Resenha: Confie em Mim (Harlan Coben) *Repostagem

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Bem, esse foi um livro que como prometido, me prendeu da primeira à ultima página.

Trata-se de algumas histórias que de início parecem não ter nada haver umas com as outras mas elas vão se entrelaçando ao passar de páginas de modo que no final tudo esta completamente interligado.
Até onde você iria por amor à sua família? É a pergunta reflexiva que tem na capa. Pois bem, depois do suicídio do seu melhor amigo, Adam, começa a agir estranhamente, está sempre distante e não participa mais das atividades familiares então,preocupados com as atitudes estranhas do filho, um casal instala no computador do adolescente um programa que monitora tudo que ele faz, no inicio não tinha nada demais mas de repente surge um relatório que muda tudo. Invasão de privacidade? Prova de amor, preocupação com o bem estar? Essas são algumas das coisas que realmente nos fazem pensar. 

Definitivamente tem coisas que é melhor não ficarmos sabendo. 

A mãe do garoto morto encontra uma foto estranha numa pagina da internet que os amigos construíram para homenageá-lo e decide investigar se o seu filho realmente se suicidou. Ao mesmo tempo um cadáver de mulher é encontrado desfigurado e daí começam a acontecer coisas cada vez mais bizarras onde tudo se confunde numa sinistra teia de aranha. E quando Adam desaparece de maneira muito misteriosa, seu pai, dr. Mike, não mede esforços para encontrá-lo, não interessando que tipo de perigos pode enfrentar. 

Bem, o livro é excelente. Harlan Coben sabe muito bem como conduzir a narrativa não deixando pontas soltas pra que você fique se perguntando como isso foi acontecer e bla bla bla... ele explica tudinho no final deixando você chocado!

A Lição que tirei desse livro foi que devemos respeitar a privacidade das pessoas sim, mas não consigo decidir se a atitude dos pais de Adam em monitorar seu computador foi certa ou não. Talvez se os pais de Adam não tivessem instalado o programa no computador do garoto é possível que muitas coisas tivessem sido evitadas, mas também há a possibilidade de que tudo terminasse em tragédia para essa família também. 

Tem um personagem que você acha que é só um enfeite na história mas ele é peça chave para a conclusão da trama, fiquem de olho.

 ;)

A v a l i a ç ã o:

6 Comentários:

Mariana Diaz disse...

So tive o prazer de ler um livro do Harlan Coben ate agora, o "não conte a ninguem". Mas devo dizer q gostei bastante. Tenho o "confie em mim" aqui em casa na minha lista de espera. Algum dia chego nele! ;) rs

Ana Paula Medeiros disse...

Só tenho lido boas coisas a respeito de Harlan Coben. Amo suspense, investigação e muita ação. E, pelo que observei pelos blogs que andei, todos tem definição 100% positiva quanto a esse autor. E, sua resenha só veio a complementar a aceitação de suas obras e de sua capacidade de envolver o leitor em suas tramas. Parabéns, ótima resenha.

Kássia Crislayne disse...

Aaaaaaaaaaaaaaaahhhhhh Eu quero ler Harlan Coben!! Quero muito. É bem o tipo de livro que eu aprecio!!!

Muito boa a resenha, com gostinho de quero mais!!

Camila Takahashi disse...

Já li várias resenhas sobre os livros de Harlan Coben e não vejo a hora de poder ler os livros dele. Eu acabei de comprar o 'Não conte a ninguém' dele e estou anciosa para lê-lo!

Ótima resenha! Espero poder ler 'Confie em Mim' em breve!

XOXO,

Cami - Just a Fearless

Elaine Maciel disse...

Eu sou uma das mais novas fãs do Harlan Coben, ele nao deixa vc ter nem vontade de dormir só pra saber o que vai acontecer na história. Resenhei esta semana o Desaparecido para Sempre, também muito bom!! Passa lá!
bjs

jenniferdlegal disse...

Fiquei curiosa agora, eu nem teria dado muita atençao a esse livro por que a capa nao me chama atençao, mas agora com certeza vou ler, a historia parece ser muito boa, e realmente a privacidade se nao respeitada pode provocar muitos problemas!
Bjs

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D