Resenha: Ventos Poéticos (Org. Cristiano Rosa - vários autores)

sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Edição: 1
Editora: Literata
ISBN: 9788563586308
Ano: 2011
Páginas: 100

Sinopse - Ventos Poéticos A poesia de cada dia vinda de todos os lugares. Como o vento que sopra e traz novas emoções, sentimentos, e desperta curiosidade. Às vezes apenas como uma brisa leve ao amanhecer. Às vezes como um tufão ao final da tarde anunciando tempestade. Os Ventos Poéticos vêm para manifestar o que há no âmago de cada ser; o que foi, o que é, e o que será melodia no assovio do vento em cada canto do mundo. A antologia Ventos Poéticos apresenta 50 poemas de 27 autores de todo o Brasil: sete gaúchos, catorze paulistas, dois goianos, um maranhense, um baiano, um capixaba e um sul-mato-grossense, com idades entre 20 e 69 anos. Com temas que vão desde vida, amor, amizade, desejo, lembranças, passando por solidão, ilusão, dor, confusão e morte, a obra faz com que os leitores apreciadores de poesia sintam-nos com intensidade. Alguns poemas são como brisas, leves, calmos. Outros, como um vento de outono, que leva folhas de um lado para o outro, movimentando o clima e deixando rastro. E há aqueles similares a tufões, de tempestade, que nos fazem perceber que tudo está a acontecer e que de uma hora para a outra todas as coisas podem mudar, nos mostrando a vida em sua mais bela essência, ora cruel, ora mágica. Você leitor está convidado a adentrar nesta antologia poética e sentir vibrações de todos os lados. Cada página, cada poema, cada verso traz uma mensagem, só é preciso seguir o ritmo e se deixar levar pela magia da poesia. Os Ventos Poéticos estão presos nesta obra, abra-a com cuidado e deixe o seu ar puro e poderoso sair e invadir a sua vida, trazendo o encanto que somente os poemas têm. Encante-se!
Quando o Cristiano perguntou se eu queria resenhar “Ventos Poéticos” eu sem titubear falei: “Claro! Aceito sim!” Aí depois eu pensei... “Poxa, aceitei resenhar um livro de poemas... mas eu nunca resenhei nada parecido, deve ser muito difícil... ai meu Deus, e agora? Agora já foi, vamos encarar o desafio.” Então como eu disse no meu devaneio acima, é um tremendo desafio mesmo resenhar um livro de poemas. Mas vou tentar explicar o que foi essa experiência pra mim e espero que vocês gostem tanto quanto eu.

Ventos Poéticos é uma das antologias publicadas pela Editora Literata. Organizada por Cristiano Rosa, esta antologia de poemas não deve apenas ser lida, mas sim, sentida. Apesar de poucas páginas (pouco mais de 90) é aquele tipo de leitura que não é pra ser lida de uma só vez, pois cada poema nos toca de formas diferentes. Posso ter lido um de seus poemas ontem e não ter sentido nada e hoje, tendo-o lido novamente, se tornou algo muito especial pra mim, visto que, era exatamente o que eu estava sentindo, expresso em palavras.

É muito difícil resenhar poemas porque um poema é uma coisa muito pessoal, é o que o autor estava sentindo no momento em que escreveu, vocês hão de concordar comigo, para todas as pessoas existem dias e dias, não é mesmo? Hoje você pode estar bem pra ler sobre um determinado assunto e amanhã não mais, então é complicado dar a opinião sem ser baseada no sentimento, porque em minha opinião, um poema é isto: SENTIMENTO.

Não vou falar de todos os poemas porque a resenha ficará muito extensa e algum autor pode vir a ficar chateado por saber que seu poema não me tocou tanto quanto o de outro me tocou, então prefiro me ater aos que mais me marcaram, levando em consideração o momento em que estou vivendo.

Foram eles: Vestígios de Você; Coração sem regras ou lição; Amarga Ilusão; Eu sou, tu és; Fascínio; Outro Eu; Queria te impedir e Vazio.

A capa é linda e a editora teve bastante cuidado na diagramação também. Super interessante o texto bônus ao final do livro onde Cristiano explica a diferença entre poema e poesia, vale a pena conferir! Então deixo aqui a dica para quem quer uma leitura agradável e cheia de sentimentos.  Super recomendo.

"A Poesia não é para ser discutida, não é para ser compreendida. É uma arte para ser sentida. Pois poesia é emoção, é sensibilidade, é o reflexo da vida e do mundo de uma forma simples e sincera, sob um olhar crítico e ao mesmo tempo honesto, e por vezes ingênuo e curioso." Pág. 90

Autores da Antologia: A. S. M. Spindler, Cecília Torres Nogueira, Cesar Piza, Eddy Khaos, Fátima Morais, Grazi Ruiz, Igue Morelli, Ivan Xavier, Juliana Morbi, Karin, Katia Chiappini, Leonardo La Selva, Lota Moncada, Marcos Reis, Margarete Schiavette, Matos do Mundo, Nando Barrett, Natali S. França, Patrícia Miranda, Pri Rolim, Rafael Sales, Samuel de Andrade, Stéph Sarli, Valéria V. Valle, Valmir Sales, Vanderson S.S. e William Prado.


BookTrailer

| comente (:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D