Resenha: Cérberus - Entre Cobras e Ursos (Leonardo Monte)

terça-feira, 15 de maio de 2012


Edição: 1
Editora: Novo Século (Novos Talentos da Literatura Brasileira)
ISBN: 9788576796039
Ano: 2011
Páginas: 464
Sinopse: O terror está instituído pela fome, pela doença e pela miséria humana... A esperança como uma vela de pavio curto... morrendo... aos poucos. Canibais, Calabans, Mordecais, Pashits, Ankh-o-rus, Beliahs, Banshees, licantropos e toda sorte de criaturas que antes só existiam em nossos mais terríveis pesadelos vagam pela Terra indiscriminadamente... destruindo, aterrorizando... e, às vezes, até convivendo conosco em uma relação de total dominância... Cidades viraram ruínas... As pessoas voltaram a viver em vilarejos e feudos, sem um poder central, servindo a governantes tiranos e sanguinários que as exploram cada vez mais e mais... O medievo voltou... A era das trevas flagela novamente a Terra... A humanidade está a ponto da extinção... Em um ato de desespero, o Vaticano decidiu criar em diversos lugares do mundo as Academias de Caçadores... No Brasil criou-se a Cerberus... Nesse sombrio lugar, dominado pela fé cega e padres ortodoxos, corredores escuros e úmidos, luz de velas e treinos sangrentos, calabouços e forcas, encontraremos alguns de nossos personagens: crianças doadas em suas primeiras semanas de vida para transformarem-se em caçadores de extraplanares... Passarão oito anos de duras provações até sagrarem-se dignos... ou perecerão no caminho? Os fracos não servem a Cerberus... Você está preparado?


Conheci "Cerberus" através da caixinha de correio do blog It Cultura, me interessei e entrei em contato com o Leonardo, que me inscreveu no book tour do livro. Primeiro tenho que parabenizar o artista que fez a capa, pois ela é absolutamente linda e chama muito a atenção, certamente Cerberus é um livro que eu compraria pela capa. 

Cerberus é o primeiro volume de uma série de 4 livros, de autoria de Leonardo Monte. A história se passa num futuro pós apocalíptico, onde o mundo foi praticamente devastado e seres como demônios, canibais, ankh-o-rus, pashits e outras criaturas extraplanares tomaram de conta e andam livremente pela terra, entre os humanos. A trama se passa no Brasil mas em momento nenhum eu consegui imaginar isso tudo, aqui. 

Crianças abandonadas são enviadas à Academia Cerberus, para serem treinadas para que se tornem guerreiros e caçadores de extraplanares. Lá, as crianças passam 8 anos aprendendo, treinando e lutando para proteger o mundo dessas aterradoras criaturas. Conhecemos Renan, Sebastian, Monica, João Pequeno, Illian, e outros personagens, cada um mais cativante que o outro. 

Devo confessar que a forma da narrativa me confundiu bastante no começo, pois ora era em terceira pessoa, ora em primeira pessoa, por Renan. Se você não prestar bastante atenção à história, se perde fácil devido ao volume de informações que o autor nos dá e também à quantidade de personagens apresentados. As descrições são minuciosas, o que nos facilita bastante imaginar o cenário. Leonardo criou todo um universo fantástico e descreveu tudo com bastante riqueza de detalhes. O livro é muito bom. A leitura não é chata ou enfadonha em nenhum momento, pelo contrário, é cheio de ação do início ao fim, e tem partes que dá até um medinho básico, nas cenas dos demônios. Não sei se é porque eu tenho pavor de coisas ligadas a demônios, pactos satânicos, etc. 

O livro nos dá lições de fidelidade, amizade, coragem, fé e esperança. Leitura recomendada para os fãs de literatura fantástica e não tinham idéia que o Brasil possui bons autores desse tema. 


Classificação:

6 Comentários:

Carolina Durães disse...

Bom dia!!! Nossa, que história! Temos criaturas de todos os gostos rsrs... Muito legal.
Eu comecei a ler a resenha e fui arregalando os olhos conforme avançava.. O que mais podem inserir nos próximos volumes da série? Beijos

Dana Silva disse...

Oi Carolina ^^ 
Pois é menina, o livro tem de tudo e tem cenas bem tensas de dar medinho mesmo rsrs o autor é super criativo e vale a pena ler sim, tirando a forma da narrativa q é um pouco confusa, o resto ta de boa! ;) Obrigada pela visita, volte sempre! 

Sthéfanie Paula Cachoeira Reze disse...

Oi!
Gostei bastante.
o titulo parece eu com minha familia, rs
beijos

Leeh Rodriigues disse...

 Eu gostei da capa, também, mas não sei, não sou a maior fã de capas vermelhas demais ):
De qualquer maneira, achei legal o livro ter tantas criaturas *-* Adoro esse tipo de tema, me interessa mucho HUAUHAUH principalmente porque você disse que a leitura não é aquela coisa que chega uma hora que você cansa, que fica sempre na mesma. E descrições minuciosas, num livro tipo esse, é realmente algo importantíssimo.
Com certeza, se eu tiver a oportunidade, vou querer ler!

xx Leeh - hangover.

Kel Costa disse...

Oi Dana!

Ah, fiquei feliz por vc ter conhecido o livro através do IC \o/
Então, pois é, Cerberus é muito bom! Confesso que nos dois ou três primeiros capítulos, fiquei confusa tb com a narração, mas depois me acostumei e parecia uma coisa normal rs

Estou bem ansiosa pela continuação. Se manter essa qualidade será ótimo!
E tive medinho nas cenas de exorcismo, mas um medo daqueles que a gente gosta de sentir rs

Bjs,Kelwww.itcultura.com

sidnei luis fermino disse...

Meus parabéns! Amei a maneira que vc usou para se expressar, me fez se interessar pelo
livro....mas vc já leu o livro reverso... se trata de um livro arrebatador...ele
coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda
inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além
de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link
da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda ela traz o
universo como tema.

www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D