Resenha: Nas Sombras (Jeri Smith-Ready)

segunda-feira, 4 de junho de 2012

Edição: 1
Editora: Galera Record
ISBN: 9788501088215
Ano: 2012
Páginas: 336

Sinopse - Nas Sombras - Shade #1 - Jeri Smith-ReadyNo futuro, um misterioso acontecimento (que ficará conhecido como Passagem) dará para os nascidos depois desta data a capacidade de ver e se comunicar com os mortos. Sendo uma dessas pessoas, Aura passa toda a sua vida tendo que lidar com essa condição. Quando o aniversário de 18 anos de seu namorado, Logan, se aproxima, Aura sabe que será o melhor de todos. A banda dele tem um megashow marcado e há uma festa planejada. Está tudo dentro dos planos, exceto Logan morrer de overdose... E voltar, se fazendo presente na vida de Aura exatamente como antes, só que roxo.

Nas sombras é uma história até original, em grande parte porque o tema não é lá muito abordado, trata-se de fantasmas. Fantasmas que são aceitos para a sociedade, inclusive podendo interagir nos julgamentos, sendo testemunhas de suas próprias mortes, olha que legal! Já pensou se isso acontecesse? Seria o fim da impunidade em casos de assassinato! 

Todas as pessoas que nasceram após um acontecimento chamado Passagem, podem ver os fantasmas e falar com eles, ajudá-los a resolver seus “assuntos inacabados”. A Passagem foi quando o mundo ficou sabendo que existia vida após a morte, e o mais legal é que todo mundo que nasceu após esse dia pode vê-los, não somente a protagonista. 

A protagonista é Aura, uma menina de 16 anos que pode ver os fantasmas. Ela trabalha como “tradutora de fantasmas”. Aura namora Logan e a sua vida está indo muito bem obrigada… mas aí, no dia do aniversário de 18 anos de Logan, durante uma comemoração “extravagante” Logan morre! Pois é… até que o danado do Logan era simpático enquanto vivo, porém, depois que morre passa a ser possessivo e meio agressivo, ele não quer “ir embora” e nem Aura consegue se desprender dele.

Então o "namoro" continua, e é sofrido porque eles não podem se tocar. Eis que surge Zachary, um intercambista da Escócia (ai que fofo! já quero pra mim!) que começa uma bela amizade com Aura, mas é claro que ia rolar um triângulo amoroso básico né?! Eu não gosto de triângulos amorosos, principalmente quando gosto dos dois mocinhos! haha

Eu já estou meio farta de YA sobrenaturais mas decidi dar uma chance a "Nas Sombras" porque algumas pessoas em que confio na opinião gostaram e falaram bem, e como eu não resisto a uma boa história... não deu outra. O estilo da autora é descomplicado, a leitura flui muito facilmente, Jeri Smith-Ready amarra a história de uma maneira que deixa você maluco para saber o que vai acontecer no próximo volume. Outro ponto interessante é um alerta que a autora dá, para quem gosta de viver grandes "emoções" com drogas. 

A capa é bonitinha, mas não muito atraente, acho meio escura e apagada, fácil de se misturar entre outros numa livraria e passar despercebido. A diagramação é simples, mas eu gosto do tamanho da fonte e espaçamento entre as linhas, e as páginas amarelas são muito melhores pra ler. Recomendo "Nas Sombras" para quem gosta de uma história leve, divertida e inovadora, sem abrir mão de um romance básico né?!

Classificação: 




3 Comentários:

Carolina Durães disse...

Bom dia Dana, tudo bem? Eu já havia lido algumas resenhas sobre esse livro e tenho percebido que ele tem sido bem recebido pelos blogueiros e leitores. Ainda não tive a oportunidade de ler, mas acho interessante a temática, que realmente é pouco explorada, e não vi ainda explorada desse modo. Realmente seria ótimo o fantasma depor contra o próprio assassino! Mas ainda assim, vou confessar que estou um pouco relutante em comprar, porque é uma série. Eu já comentei isso várias vezes, fica difícil sustentar tantas séries em aberto. Eu preciso fechar pelo menos uma meia dúzia das que já estão em casa primeiro rsrs. Beijos

Laryssa disse...

ai dana amei a resenha! nunca tinha lido uma resenha desse livro... 
pela cara pensei que era um dramão... triste. Não gostei da capa. Só em ver ela ja tinha colocado na minha cabeça que nao ia comprar esse livro.
mas como voce falou dele... é totalmente minha cara! amo esses estilos.
eu vou esperar ter um bom preço... e comprar! amo essas coisas novas e fantasmas.
Acho que vale a pena pela sua resenha :)
beijinhos
http://www.addictiveworld.com.br/ 

KassiaCrislayne disse...

Eu gostei da sinopse desse livro desde o princípio. Preciso mesmo de algo leve pra ler, mas com qualidade. Porque é uor quando vc termina de ler um JRWard ou Nora Roberts, aí pega algo leve mas de péssima qualidade. As comparações começam... Esse parece ser o que não acontece isso.

Bjs.

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D