Resenha:À Primeira Vista (Nicholas Sparks)

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Livro: À Primeira Vista
Autor: Nicolas Sparks
Edição: 1
Editora: Arqueiro
ISBN: 9788580410556
Ano: 2012
Páginas: 256
Tradutor: Simone Reisner



Sinopse:Jeremy Marsh tinha três certezas: jamais se mudaria de Nova York, não se apaixonaria novamente e nunca teria filhos. Mas agora ele está prestes a se casar com Lexie Darnell e aguarda a chegada da primeira filha, enquanto conduz a reforma de sua nova casa na pequena cidade de Boone Creek, na Carolina do Norte.Em meio a tantas mudanças, Jeremy luta para reencontrar o equilíbrio pessoal e profissional ao lado da mulher que o fez mudar todos os seus planos. Quando tudo parece estar entrando nos eixos, Jeremy recebe um misterioso e-mail que dá início a uma série de acontecimentos que irão testar a força dessa paixão.
Atormentado pela ideia de estar sendo traído, vivendo uma crise criativa que o impede de trabalhar e angustiado com a gestação complicada de Lexie, ele não poderia imaginar que o pior – e o melhor – ainda estava por vir.
À primeira vista captura toda a incerteza, a tensão e a angústia da vida desse jovem casal, mas também retrata o romantismo, o companheirismo, a descoberta e o amadurecimento que só o verdadeiro amor pode proporcionar.

Esses dias eu tive minha primeira experiência com Nicholas Sparks, peguei para ler À Primeira Vista que já estava na lista há algum tempo, porém eu ainda não tinha tido coragem para lê-lo. Esse livro é a continuação de outro livro do Sparks que se chama O Milagre, mas não se preocupem eu não li o primeiro e consegui ler  o livro sem muitos problemas.

Em À Primeira Vista Jeremy Marsh se muda para a Carolina do Norte para ficar com Lexie, eles planejam se casar e viver felizes para sempre, porém em meio ao estresse do casamento eles tentam manter um segredo.  Conforme a história vai se desenrolando há mais uma complicação para o casal: alguém está tentando separá-los e uma tragédia pode assolar a vida deles.

Bem, eu não sou muito fã de dramas desnecessários e nesse livro Sparks recheia com personagens que deveriam ter próximo de 30 anos com dramas adolescentes clichês e isso me deixou bem decepcionada. Porém, devo confessar  na última parte do livro o autor me ganhou e eu acabei me encantando com a história de amor dos dois personagens e eu acabei chorando muito, até por que creio que não dá pra ler Nicholas Sparks sem que em algum momento ele esmague seu coração.

A capa desse livro é belíssima e a editora arqueiro arrasou na diagramação e revisão. Eu recomendo esse livro para quem ama um bom romance que extraia lágrimas e claro para a legião enorme de fãs de Nicholas Sparks.

Classificação