Resenha: Azar o seu (Carol Sabar)

sábado, 29 de junho de 2013



 
Edição: 1
Editora: Jangada
ISBN: 9788564850361
Ano: 2013
Páginas: 368
Sinopse - Azar o seu! - Carol Sabar
Bia está parada num engarrafamento no Rio de Janeiro, pensando em sua vida azarada. Sem emprego, atolada em dívidas, ela não imagina que está prestes a viver a grande coincidência da sua vida. O motorista do carro ao lado está buzinando, tentando se comunicar com ela, como se fosse um velho conhecido... E ele é! Mas Bia não o reconhece. E como poderia? Ele é um homem, não mais o garoto de dez anos atrás. Está mais encorpado, cortou o cabelo, livrou-se do aparelho nos dentes e das espinhas do rosto, está tão diferente, tão lindo... O motorista sai do carro, mas não tem tempo de se explicar, pois começa um violento tiroteio e eles têm que se jogar lado a lado no asfalto. Certa de que está prestes a morrer, Bia entra em desespero e se prepara para dizer suas últimas palavras, na esperança de que o suposto desconhecido deitado ao seu lado possa levar um recado a Guga, seu amor da adolescência, sem perceber que é ele próprio que está ali, ouvindo a inesperada declaração de amor! Os dois escapam juntos do tiroteio e, a partir daí, começam a se envolver, dia após dia... Guga, sem coragem de assumir sua verdadeira identidade. Bia, fascinada por ele e feliz consigo mesma por finalmente estar se apaixonando por alguém que não é Guga... Azar o seu! vai além de uma comédia romântica. É uma reflexão sobre a importância da amizade verdadeira, do perdão e do autoconhecimento, que nos resgata o poder de decidir sem medo e de reverter escolhas que nos impedem de ser feliz. 

Assim que vi a capa de Azar o seu, Editora Jangada, 368 páginas, soube logo que iria gostar do livro. 1- Por ser rosa; 2- Por ser chick lit;

Azar o seu conta a história de Bia, uma garota formada em administração de empresas, com duas pós graduações e um currículo de dar inveja... com o pequeno detalhe de que está desempregada, cheia de dívidas e não gosta do que faz. O sonho de Bia era ir para o Conservatório de Música, ser uma pianista famosa e casar com Guga, seu primeiro amor da adolescência, que não vê há dez anos.

Bia está no Rio de Janeiro, voltando para sua cidade, Juiz de Fora, e está presa num engarrafamento quilométrico quando o motorista do carro ao lado, o cara que comprou a última garrafa de água e a deixou morrendo de sede, está acenando e buzinando para ela como se a conhecesse! E conhece, só que ela não o reconhece! Quando ele salta do carro e corre até ela começa um tiroteio, e Bia achando que irá morrer, fala para o desconhecido o que acha que serão suas ultimas palavras e pede para ele dar um recado: Dizer a Guga que ela sempre o amou! O que ela não sabia era que aquele desconhecido lindo era o próprio Gustavo, dez anos mais velho, sem os aparelhos e espinhas e com um corpo lindo!

Guga não consegue dizer a verdade para Bia e eles conseguem fugir do tiroteio. Então os dois começam a se encontrar e ela finalmente acha que superou Gustavo e está se apaixonando por um Cara legal. Pois sabem, a Bia não é lá a pessoa mais sortuda do mundo.

"Foi só quando subi as escadas de casa para o segundo andar e girei a chave na fechadura é que tive um pensamento infeliz. Ainda que ele soubesse meu sobrenome do mesmo jeito que sabia meu nome, eu não estava na lista telefônica. Ele não sabia o nome do meu pai. Não sabia o numero do meu celular. No sabia onde eu morava. Então, de uma hora para outra, senti-me ridiculamente desanimada. E Até quando a sorte sorria para mim, sorria com uns dentes faltando."

Bem, eu gostei bastante de Azar o seu!, mas não posso deixar de falar de algumas coisas que me incomodaram um pouco. Eu não consegui me convencer do fato de a Bia não lembrar do Guga, porque dez anos não é tanto tempo assim que a pessoa muda completamente, mesmo que ele tivesse espinhas e usasse aparelho na adolescência. Outra coisa que me incomodou um pouco foi o começo do livro, ela cita muitas marcas, como por exemplo "Magazine Luiza, Biscoitos Negresco, Baú da Felicidade, e etc.)  parece coisa de propaganda...rs mas ainda bem que foi só no começo mesmo. Eu não sei se eu é que sou chata mesmo, mas isso me incomodou.

Tirando isso que eu citei acima, a narrativa da Carol Sabar me encantou, leve e fluída. Li o livro absurdamente rápido e me peguei desejando mais de Bia e Guga. O livro tem algumas passagens bem românticas e engraçadas. As tiradas sarcásticas de Gustavo são sensacionais! Adorei o Guga, ele é muito descarado e não tem filtro, fala logo na cara e pronto! 

O livro passa mensagens sobre o valor da amizade, a negligência familiar, a importância de seguir os nossos sonhos, perdão e a busca pelo autoconhecimento. Bia é muito maluquinha e paga cada mico que só vendo. Mas é interessante ver a evolução da personagem. No começo ela era bem impulsiva e não pensava nas consequências dos seus atos, já no final ela tomou uma decisão que me surpreendeu um pouco. Apesar de ser clichê, a maneira como a Carol contou a história foi o que a tornou especial. Se você está buscando uma leitura rápida e divertida, sem querer se prender a muitos detalhes, Azar o seu! é a escolha certa. Recomendo. 

"- A Raíssa vai entrar com a Marcha Nupcial.- Mas por que? - Você sempre sonhou com essa musica dos Beatles, Bia... A Raíssa achou melhor deixá- la para você. - Deixá-la para mim? - Você vai entrar duas vezes com essa musica - explicou. - Hoje, como madrinha. E dia do meu casamento, quando você for a noiva. - Apertou meu corpo junto ao dele, obrigando-me a andar. - Agora sorria." 



6 Comentários:

Geovanna Ferreira disse...

Sim, estou buscando uma leitura rápida e divertida. Não gosto de chick lit mas por incrivel que pareça adorei Como quase namorei Robert Pattison então minha boa experiência com o primeiro livro da autora está me levando cada vez mais perto de ler esse novo livro!

Ótima resenha jordana!



Garota das Letras - http://garotadasletrsa.blogspot.com.br

aninha disse...

desde que eu vi esse livro nos lançamentos da editora jangada,eu logo me interessei por ele. acho a capa muito fofa e não dispenso um chick list! eu já ri só lendo a resenha,mas essa Bia é a rainha dos micos,nunca vi! kkkkkkk! me pareceu um livro muito leve de ler,com personagens carismáticos. adorei Dana!

TaisCastro disse...

Estou muito curiosa para ler esse livro e espero conseguir ler em breve.
Adoro esse gênero e por todos os comentários que já vi acho que vou gostar bastante de Azar o Seu.
E mesmo antes de ler já concordo com você que é muito estranho o fato dela não ter reconhecido ele, pq 10 anos realmente não é tanto tempo assim.

bjs
Tais
http://www.leitorafashion.com.br

Amanda T. disse...

O livro parece ser otimo! Fofo, romantico e engraçado ne? To largando minha birra com os chik-lits, finalmente apostei nos livros certos do genero e to virando fa!

Beijokas
escolhasliterarias.blogspot.com.br

mytchelli disse...

Daninha.... adorei a resenha!!!!
Achei a sinopse do livro muito interessante.... já entrou na minha lista de desejados!

Ana Luiza Silva disse...

Essa história de amores passados viu, hmm.. Quero ler! \o/

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D