[FILME] Carrie - A Estranha (2013)

segunda-feira, 9 de dezembro de 2013


Antes de tudo eu preciso dizer que NÃO SOU CRÍTICA CINEMATOGRÁFICA, nem literária, portanto este post retrata nada além da MINHA OPINIÃO PESSOAL como espectadora e fã de Stephen King. 


Eu como boa fã de Stephen King, quando soube que iriam fazer um remake de Carrie já fiquei ansiosa e preocupada. Em minha opinião esse é um clássico do terror. Carrie -  A Estranha, tem duas versões, a primeira é de 1976 com Sissy Spacek, Piper Laurie e John Travolta e a segunda é de 2002, com Angela Bettis (Garota Interrompida), Rena Sofer (Heroes) e Patricia Clarkson (The Untouchables). Li Carrie há muitos anos e não lembro exatamente de tudo que aconteceu no livro mas comparando as duas últimas versões à primeira posso afirmar que o filme de 2013 está igualzinho ao original de 1976. 



Obviamente os tempos mudaram e o filme foi adaptado para os dias atuais, inseriram tecnologia e redes sociais, e acho que o resultado ficou muito bom mesmo. Os efeitos especiais estão incríveis, mas também não temos como comparar os efeitos de 1976, 2002 e 2013! Vale muito a pena ir ao cinema, eu vou novamente! Finalmente temos um remake digno!

 Julianne Moore e Chloe Grace Moretz deram um show de atuação. Sinceramente não sei qual das duas foi a melhor. Chole já tem meu coração desde que a vi em 500 days of Summer (500 dias com ela) onde interpretou Rachel, irmã de Tom (que é o meu ator preferido Joseph Gordon Levitt *_*), depois ela fez Let me in (Abby) que também é um filmaço e depois que fui ver que em 2005 ela fez The Amityville Horror, interpretando Chelsea Lutz. 

Apesar de eu ter amado a atuação da Chloe no papel de Carrie, em minha opinião a Carrie perfeita, com mais cara de esquisita e psicopata é a Angela Bettis. Chloe é linda e Sissy também era na época, e não acho que as duas tem cara de esquisitas, mas a Angela Bettis, meu Deus, dá medo só de olhar nessa cara de maluca dela. HaHaHa
Sissy Spacek
x
Angela Bettis
x
Chloe G. Moretz
Julianne Moore dispensa comentários, essa mulher detona. Ela encarnou a Margaret White e ficou mesmo com cara de doida. Mas na minha opinião ninguém bate a Piper Laurie no papel de Margareth White, olhem a cara de fanática louca.





Confesso que eu estava preocupada que fossem estragar esse filme, mas me surpreendi completamente com algumas cenas que são de tirar o fôlego. Recomendo muito assistir no cinema! 

Pra quem ainda não viu nem o trailer, vale a pena conferir: 


E vocês, já leram o livro? Já viram as duas outras versões? Qual mais gostaram? Comentem! 

Beijos e até a próxima. 

5 Comentários:

Dany disse...

Tô quase terminado de ler o livro e confesso que estou curiosíssima para saber como que esse remake, ainda não vi nenhum dos filmes antigos.
Mais assim que terminar de ler o livro irei conferir tantos os filmes antigos quanto esse novo, espero que minhas expectativas sejam superadas. Ao ler o livro já fico imaginado como que o filme vai ser.
Beijos.

aninha disse...

meu irmão me fez ver a primeira versão e nunca mais na vida eu vi de novo, nem remake, nada. eu sou completamente covarde pra assistir filmes de terror kkkkkk! é sério, sou uma negação pra ver essas coisas, culpo O Exorcista por isso, me traumatizou. filme que tem Julianne Moore no elenco já vale o ingresso e claro, com os efeitos de hoje em dia, o filme deve ser mesmo um bom entretenimento do gênero, mas comigo eu passo longe! kkkkkkk! bj!

Tarsila Martins disse...

Não curti esse filme. Não tem nada de terror nem suspense, e achei bem tosquinho. O filme parece que acontece no período de 2 semanas no máximo, o que o deixa um pouco chatinho. Estava muito ansiosa e me decepcionei bastante. Vi apenas o de 2002 e achei melhor que esse, e quase todo mundo disse que o de 1976 era o melhor. A diretora, se eu não me engano, falou que ia ser uma adaptação super diferente, mas foi totalmente igual. Gostei das atuações das personagens, aí sim foi bom. Mas isso é só minha opinião, claro.
Não li o livro, e nem pretendo.

Beijos!

http://temponaoperdido.wordpress.com/

Nardonio Alves disse...

Ainda não li o livro, e só vi a segunda adaptação. Também acho que das três atrizes, a Angela Bettis é a que tem mais cara de esquisita. Pretendo ler, e assistir as outras duas adaptações que ainda não vi.


@_Dom_Dom

jean disse...

eu gostei de todas as versões mais a que como você disse a que me tocou como estranha mesmo foi a de 2002 foi com Angela Bettis . amei a de 2013 , mais minha paixão por quando carrie começa a se lembrar do baile da sua mãe falando " all gonna laugh at you" isso me deixa tao , tão . sei la

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D