Resenha: À Sombra da Lua (Marcos DeBrito)

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014



Edição: 1

Editora: Rocco
ISBN: 9788532528162
Ano: 2013
Páginas: 288

Sinopse - À sombra da lua - Marcos de Brito
Durante o dia, Vila Socorro é apenas uma pacata cidade do interior de São Paulo, reduto da imigração italiana no Brasil. Mas, quando o sol se põe, uma criatura desconhecida aterroriza os moradores, que cobram uma solução das autoridades locais, afinal, há décadas o vilarejo sofre com mortes misteriosas, cometidas por um assassino que não deixa rastros e desafia a lógica humana. Estreia do cineasta Marcos de Britto na literatura, À sombra da lua já nasce um forte candidato a clássico do terror nacional ao explorar o mito universal do lobisomem contrapondo, numa narrativa madura e vigorosa, racionalidade e mistério.



Bom, preciso começar essa resenha com uma reflexão: Por quê demorei tanto para ler este livro? Por quê? 


À sombra da lua é o primeiro romance do diretor e roteirista Marcos DeBrito. Como diretor e roteirista cinematográfico, Marcos caprichou em sua obra de estreia, o livro facilmente poderia ser adaptado ao cinema com suas cenas bem descritas e completamente passionais.


Logo no prólogo temos acesso ao mito que originou o primeiro lobisomen, Licaón, um homem extremamente perverso e que por causa de uma de suas atrocidades, sofreu um castigo de Zeus. O prólogo em si é bem impactante e certamente já prepara o leitor para o que está por vir. 

A história é narrada alternando fatos que ocorreram no século XIX, com a família Cesari, imigrantes italianos e no século XX, no povoado de Vila Socorro, interior de São Paulo. 

Em 1897, Bastiano Cesari e sua família vieram ao Brasil em busca de melhores condições de vida, levavam uma vida simples, porém feliz. O casal Cesari tinha seis filhas mulheres e uma notícia alegrou ainda mais essa família, um novo bebê estava a caminho. Durante uma missa dominical, Clemenzia entrou em trabalho de parto e assim chegou ao mundo, Álvaro. O mais novo herdeiro Cesari viveu plenamente até o início de sua puberdade, quando uma tragédia se abateu sobre sua família, tendo somente ele sobrevivido.

O ano agora é 1920, Álvaro já é um homem e ainda vive na mesma casa onde sua mãe e irmãs foram brutalmente assassinadas. O jovem é de poucas palavras e sobrevive seguindo os passos do pai, através do cultivo e venda de vegetais que leva para a cidade uma vez por mês. Um dia os olhos de Álvaro ganham um brilho especial quando cruzam o olhar de Alana, filha do médico da cidade. O problema é que Alana tem um amigo de infância que sempre fora apaixonado por ela e enfim resolveu se declarar e pedir a mão da moça em casamento a seu pai, o Doutor Dário, que tratou de arranjar logo o casamento. E também existe Flávia, amiga de Alana e Vicente, e sempre foi apaixonada por Vicente. Mas Flávia, astuta como é, dá um jeito de apresentar Álvaro e Alana, e os dois então, iniciam um romance secreto. 

Vila Socorro vem sendo assolada por uma onda de assassinatos brutais. Uns dizem que é um animal, outros dizem que é um maníaco serial killer e outros dizem que é um monstro possuído pelo capeta. Sempre ataca na mesma época, a Lua Cheia. Ninguém que já cruzou alguma vez o caminho da Besta, saiu vivo para contar a história. E é aqui que as coisas começam a ficar bem interessantes. 

Para aqueles que, como eu, estavam com saudade (e carentes!) de um bom romance com lobisomens (de verdade!) podem sossegar e largar tudo que estiverem fazendo para começar a ler este livro. Marcos DeBrito é de um talento inquestionável. Sua narrativa descritiva é o que faz toda a diferença na beleza desta obra. Ao mesmo passo que há cenas extremamente românticas, também há cenas tão violentas e fortes que o leitor tem que parar para processar. Não vou dizer que fiquei com medo, não fiquei, mas fiquei chocada em várias cenas, principalmente nas últimas cem páginas.

O enredo parece clichê, só parece. O autor dá uma reviravolta que eu duvido que seja esperada por alguém que tenha lido. O leitor precisa lidar com múltiplas emoções em se tratando de Álvaro: raiva, pena, compaixão, medo, etc. Álvaro é um dos personagens mais complexos desta obra, simplesmente fascinante. 

O livro é indiscutivelmente bem escrito, nota-se que o trabalho de pesquisa que o autor fez foi profundo, pois ele buscou mesclar a lenda e a ciência, dando explicações científicas para a licantropia. A narrativa em forma de dias e apresentando as fases lunares deram um toque ainda mais misterioso, pois quando era "Lua Cheia" o leitor já esperava pela aparição da besta fera que atacava qualquer vivalma de Vila Socorro que estivesse do lado de fora.

Chega de falar do enredo porque aí já é spoiler demais. A capa é linda e muito sombria, combina perfeitamente com a obra. A diagramação é satisfatória, apesar das folhas brancas. A Editora Rocco cuidou para que o livro ficasse bonito e agradável. Cada início de capítulo tem uma imagem de um lobisomen. Não achei erros de digitação ou afins. O trabalho de revisão foi impecável. Recomendo para os fãs de Lobisomens e para quem curte uma boa história de terror, e o melhor de tudo: 100% Brazuca! Posso dizer que À sombra da lua foi um dos melhores livros nacionais que já li, tanto pela história quanto pela escrita poética, descritiva e impactante do autor. Parabéns à Editora Rocco, ótima aposta! 


26 Comentários:

Rafa Hübner disse...

Oi, td certo?

Que eu lembre, nunca li nenhum livro de lobisomens. Eu costumava torcer o nariz para todo tipo de livros que tinham seres diferentes, como zumbis, vampiros, lobisomens, anjos...

Agora, tentando fugir um pouco do preconceito, estou experimentando coisas diferentes e gostando!

Algum livro sobre lobisomens vai acabar nas minhas mãos num futuro próximo hehe

Bjs

http://www.arrastandoasalpargatas.blogspot.com

Tamiris Leitão disse...

Vou começar esse comentário dizendo: Porque ainda não li esse livro mesmo? Nossa que livro legal. Faz realmente muito tempo que eu li um livro excepcional com lobisomens. E até agora a sua resenha me cativou a fazer isso.

Vou procurar saber mais, e assim que puder e ler, venho fazer um comentário mais sucinto sobre sua resenha flor.
beijos ♥
http://pausaparaum-livro.blogspot.com.br/

Fabricio Machado disse...

Olá!!!! Já tive esse livro em mãos umas 5 vezes pelo menos, mas ainda não o comprei... u.u Acompanho essa obra desde suas primeiras notícias, já até perguntei ao DeBrito se ele viria aqui para nossa tórrida Fortaleza (infelizmente ele disse que não tinha nada previsto), mas dentre em breve estarei reparando este erro hehehehehe


Ótima resenha, parabéns \o


Beijão


Fabricio Machado
http://loucamenteloucamente.blogspot.com.br

Jéssica . disse...

Gostei bastante da resenha, eu acho que nunca li um livro que focasse em lobisomens, posso ter lido alguns com eles no meio da estoria só isso já me deixou curiosa sobre a estoria e a sua resenha me deixou mais ainda, adoro quando nosso livros nacionais se mostram bons é bem provável que eu leia esse.

Bianca disse...

Tem certeza que é o mesmo livro? Existe um outro romance com nome semelhante que também li algo parecido em um blog. Ainda não encontrei falando mal deste.

Lais Lucena disse...

Pior que tenho certeza mesmo :/ é que como eu já pesquisei bastante sobre esse livro, então já vi vários pontos negativos, mas isso não interfere na vontade que eu tenho de lê-lo.

Jessica Rocha disse...

Nossa, adorei sua resenha, quero muito ler esse livro. Li somente Sob a Luz da Lua e Calafrio que tenham enredo sobre lobos.

Esse livro parece ser super diferente!!

Beijos e boas leituras!

bruxinhaleitora.blogspot.com.br

Dana Silva disse...

Oi Lais! Então, leitura é isso né? Interpretação. À sombra da lua é muito bem escrito, pelo menos em minha opinião. Eu não achei que faltaram informações não... consegui entender a proposta do autor e achei que o final foi bem satisfatório. Mas enfim... nada como vc tirar suas proprias conclusões. Depois volta aqui pra me dizer o que achou ok? :)

Dana Silva disse...

pois é Bianca, tem um outro livro com o nome de "A sombra da lua", esse eu tbm já li, inclusive resenhei aqui, mas é um thriller. bjs

Dana Silva disse...

eu acho que vc vai curtir heim ^^ ;)

Bianca disse...

Vou procurar. Obrigada. :) É que eu também já li o romance e fiquei simplesmente fascinada pela maneira como o autor desenvolveu as reviravoltas. Mas cada um com seus gostos, né?
Adorei a resenha, Dana. Senti as mesmas coisas quando li.
Beijos

aninha disse...

sou bem covarde pra ler e ver qualquer coisa com terror. mas se vc tá dizendo que o livro é bom mesmo, então vou procurar lê-lo com certeza! rs achei bem interessante que a história se passa no Brasil e é veross[imel pra quem lê, acredito que seja em função do autor ser roteirista. é uma pegada mais rápida, tipo filme mesmo, fica mais fácil de de ler. Álvaro é um personagem meio misterioso, senti meio que uma agonia nele. aliás tem um mistério na história, claramente sobre o lobisomem, mas como você disse na resenha, o autor não caiu na mesmice da lenda né. fiquei curiosa e um autor nacional ser publicado pela Rocco, não é pouca coisa! vou marcar nos meus desejados com certeza!

Dana Silva disse...

taí q vc disse tudo, não é pouca coisa um autor nacional ser publicado pela Rocco não, com ctz um diferencial ele tem!!! ^^ eu amei o livro!

nathay ferrer disse...

Pelo que vejo dois pontos marcam este livro, o primeiro ponto é a história que pude sentir pela sua resenha, foi muito bem desenvolvida, com base numa pesquisa bem feita e em personagens bem construídos. Percebo que Álvaro é o ponto chave da trama. O outro ponto é a narrativa, a maneira como o autor soube escrever, descrever aquilo que ele imaginou, sonhou foi tão incrível que tornou a leitura mais do que agradável, a tornou inesquecível.

JessicaLisboa disse...

Nao conhecia esse livro, mas acho que agora nao leria ele pois estou em uma faze romantica se eu fosse ler acho que abandonaria, mas curti bastante o livro a trama é muito boa.

Nardonio Alves disse...

Adoro quando os livros abordam as Mitologias mais próximas das reais. O ser "lobisomem" é um dos mais interessantes que já vi, mas ultimamente os autores tem perdido um pouco a mão ao retrata-los. Legal ver que o Marcos DeBrito fez uma coisa legal nesse livro. Espero ter a oportunidade de ler em breve.

@_Dom_Dom

Rossana Moraes disse...

Nossa, eu realmente estou precisando de um romance de verdade com lobisomens ! hahaha
Fiquei com muita vontade de ler este livro, conhecer as emoções do Álvaro! Amei a capa!

Giovanna Territsen disse...

Adoro livros e terror e o que mais me interessei nessa resenha foi o fato de vc falar que o enredo parece clichê mas que o autor dá uma reviravolta que não é esperada por ninguem. Gostei muito!

Ítalo Costa disse...

Eu sempre preferi o tema bruxas, mas sempre é bom variar e esse ano eu estou aberto a novos autores e novas histórias. Gostei do enredo do livro, a proposta é boa e como nucna li nada sobre lobisomens, seria um bom começo.

RUDYNALVA SOARES disse...

Jordana!

O livro é realmente fabuloso, já tive oportunidade de ler e achei a escrita do autor fabulosa e envolvente.

Sua resenha está fidedigna e pelo visto gostou tanto uanto eu.

Parabéns!

cheirinhos

Rudy

Blog
Alegria de Viver e Amar o que é Bom!


“A persistência é o menor caminho do êxito.”(Charles Chaplin)

ELIZABETH MACHADO DE SALLES disse...

Fiquei apaixonada pela estória que li aqui. Muito linda e super interessante. Adoro temas de lobisomens e este está demais. Vou tentar ler e me deixar levar pelas páginas deste livro. Beijos.

Lucas Goulart Duarte disse...

Primeiro, a capa é muito bem trabalhada!!


E não sou muito de ler coisas sobrenaturais, mas esse livro particularmente me deixou muito interessado. Além de ser de um escritor brasileiro, vi na sua resenha muuuitos elogios.

Jackson Braga disse...

Adorei saber que o cineasta e roteirista Marcos de Brito vem enriquecer a literatura nacional com uma obra de terror. Com certeza vou recomendar!

adriana wolf bastos disse...

Olá! Adorei a resenha!
Jáa havia lido outras resenhas sober esse livro e fiquei super interessada! Sempre me agradei por histórias de lobisomem...sempre quando sai um filme novo sobre o tema, lá estou eu indo assisitr! Ler um livro com essa temática deve ser fantástico....entrar nesse mistério...e desvendar esses segredos! E por ser de um autor nacional, nada melhor que aprecidar as nossas origens!

Gizeli Meister disse...

Eu adoro livros com temas sobrenaturais e livros nacionais, fiquei super empolgada para ler "À sombra da lua" por causa desses dois fatores.
Achei bem interessante a abordagem do escritor e o modo como ele criou a mitologia ao redor da criatura.

Dani Kaulitz disse...

Parece ser um livro bem interessante mesmo! Adoro romances com lobisomens e seres sobrenaturais e fiquei interessada neste, o enredo parece ser mesmo muito bem construído, me deixou curiosa e gostei de saber que não tem nada de clichê! Fiquei com vontade de ler esse livro também e achei interessante se poder notar que o autor pesquisou muito para construir a obra, adoro livros que tem informações verdadeiras ou baseadas em tal! Concordo que a capa é muito linda, só de ver, dá vontade de ter o livro rsrs :)

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D