Resenha: Amigo Secreto (Sylvia Day)

quarta-feira, 23 de abril de 2014



Título: Amigo Secreto
Autor: Sylvia Day
Edição: 1
Editora: Paralela
ISBN: 9788565530477
Ano: 2013
Páginas: 120

Sinopse: Em Amigo secreto, a autora narra duas histórias contemporâneas, bem apimentadas e muito românticas que certamente farão as leitoras perderem o fôlego. A primeira, que dá título ao livro, conta a história de Nick e Steph, colegas de trabalho que secretamente sentem uma enorme atração um pelo outro. Isso até o momento que Nick tira Steph no amigo secreto e escolhe um presente claro e direto: uma foto sensual e provocadora que promete esquentar as coisas entre eles. Já a segunda narra o relacionamento difícil e obsessivo de um casal que se vê envolvido na investigação e no roubo de joias de Gideon Cross.


              Amigo Secreto da Sylvia Day é um livro curtinho publicado no Brasil pelo selo Paralela.

            Nesse livro nós vamos conhecer dois contos curtinhos, o primeiro conta a história de Nick e Jack, dois colegas de trabalho que aparentemente não se gostam, mas que no fundo sentem um desejo incontrolável um pelo outro. Quando Jack encontra por acaso a lista de presentes de natal “safadinhos” que Nick descarta e vê que todos os desejos da moça o envolvem, ele bola um plano para satisfazer a todos eles. O segundo conto intitulado Sangue e Rosas nos narra a história de Ana e Jake, que viveram um relacionamento BDSM há mais ou menos dez anos atrás e que por decisão da moça acabou. Acontece que a família de Ana é toda envolvida com fraudes e roubos e a própria moça é ladra e Jake nada mais é que um policial. Quando anos depois Ana volta a cidade natal deles para recuperar uma peça roubada por sua família de Gideon Cross, ela e Jake não conseguem se segurar e acabam por se entregar de volta a essa relação de desejo e controle.

            Mais uma vez eu me pergunto “Como essa mulher tão pequena (sim, eu sei pq sentei do lado dela, gente) tem tanta imaginação a ponto de envolver BDSM em quase todas as histórias dela?” Cara, eu fico passada! Confesso que li esse livro em uma tarde de sexta em que não aguentava mais ver normas de gramática e metrificação de versos e foi um bálsamo, nada como ler p#taria em dias assim. A história de Nick e Jack até que é fofinha em certo aspecto, quem nunca ia querer que o colega bonitão cozinhasse pelado para você? Só achei meio forçado a história de sentimentos, por que mais uma vez aqui o cara se apaixona e faz da mulher a vida dele em questão de dias. Agora, ah a história de Ana e Jake aí sim é Sylvia Day sendo Sylvia Day, a mulher mostrou todos os elementos já conhecidos nas narrativas dela em mais ou menos cinquenta páginas. Tem BDSM, tem paixão, tem p#taria, tem um cara mandão e uma mocinha teimosa que se derrete toda ao ouvir um comando. Se eu gosto? Eu adoro hahahahah

            Enfim, a edição é capa dura e o livro é tão bonitinho a capa em vermelho e rosa com as letras douradas. A diagramação está fantástica também o que só traz um prazer a mais na leitura. Os fãs de livros eróticos não podem perder com certeza.

10 Comentários:

Leiliane Santos disse...

Eu li faz pouco tempo, e o meu preferido foi Sangue e Rosas, de Ana e Jake, se ela tivesse explorado, daria um plot bom para livro. Eu gostei também de "A Lista de Desejos", parecia uma O/s safadinha lol Foi meu primeiro contato com a escrita da Sylvia e não me decepcionei. Eu qro ele em livro agora pq é capa dura e parece ser amor

Lucas Goulart Duarte disse...

hahaha adoro o jeito que vc escreve seus posts!!! Mt engraçado :p


Fiquei até com vontade de ler esses contos msm tendo nojo desse estilo de leitura auhaih

Dana Silva disse...

peraí... hahahaha NOJO?


curiosidade: vc é celibatário? rsrs

aninha disse...

ai gente eu gosto muito dos livros da Sylvia Day! rs a mulher sabe mesmo escrever o erotismo! Sangue e Rosas tem uma pegada daquelas, gostei! achei muito legal da parte da editora lançar ese livro com esse capricho, capa dura, nomes dourados. com certeza vou ler.

Fábrica dos Convites disse...

Oi Priscila, não imaginava que o livro era assim, depois que notei o nome da autora, que aliás ainda não conheço o trabalho. Gosto do gênero e vou ler quando der.
Bjs, Rose

Pamela Liu disse...

Não sou muito fã de eróticos, então não me interessei por esses contos.
O primeiro parece um pouco mais leve, mas mesmo assim...
Adorei a capa!

Lucas Goulart Duarte disse...

hmm não sou uahah
Nojo foi jeito de falar... tenho preconceito com esse estilo.

Jack Moura disse...

cara, eu acho linda a capa desse livro, mas nao tem perigo de eu ler :/ sabe qndo o meu estilo nao bate com livros hots kkk nao consigo ler. acho todos tao iguais :/ mas para as que gostam, tomara q o livro seja otimo \o/ mas eu n consigo ler livros onde contam cada detalhe da intimidade do casal nao kkk dispenso

Tamiris Leitão disse...

que triste. kkkk Já vi muita gente que não gosta, mas chegar ao ponto do preconceito, primeira vez.

Tamiris Leitão disse...

Adoro livros hots, e esse me deixou muito curiosa. Adoro um estilo BDSM, porque aquela parte fofinha dos hots já começou a ficar um pouco repetitiva, entãããããão... Acho que o outro safado vai ser o que eu vou mais gostar. Espero ter a oportunidade de o ler o mais rápido possível, e agora me arrependo amargamente porque quando estava na livraria, pensei em comprar ele, mas desisti em nome de outro título. kkkk


Mas quem sabe um dia ?

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D