Resenha: Sociedade Secreta do Sexo (Marcos Nogueira)

terça-feira, 24 de junho de 2014



Título: Sociedade Secreta do Sexo
Autor: Marcos Nogueira
Edição: 1
Editora: LeYa
ISBN: 0
Ano: 2014
Páginas: 368

Sinopse: Um é pouco. Dois é pouco. Três começa a ficar bom... Assim funcionam as orgias, festas em que cidadãos respeitáveis deixam de lado as convenções sociais para se entregar aos excessos do sexo em público e com parceiros múltiplos. Enquanto você lê estas linhas, há gente se entretendo em atividades menos intelectuais, tais como o swing, o ménage à trois ou o sexo grupal. Pode ser num hotel no Caribe. Pode ser num castelo na Itália. Pode ser em um clube luxuoso em Londres. Pode ser no apartamento ao lado do seu. Mas você não recebe convites para essas festas porque não faz parte do meio. Você não integra a sociedade secreta. A sociedade secreta do sexo existe para proteger a identidade de seus membros, para evitar a exposição de suas vidas duplas. Durante a semana, esses indivíduos são profissionais bem-sucedidos e pais de família conservadores; no sábado à noite, transformam-se em seres hedonistas, em criaturas para as quais o sexo é a principal razão de existir. Eles se organizam em comunidades fechadas, nunca mostram o rosto, criam clubes que são impenetráveis para os não iniciados. O jornalista Marcos Nogueira foi iniciado quase por acaso e entrou de penetra no clube. Frequentou orgias suntuosas no Brasil e na Europa, visitou casas de swing, viajou para um resort em que o sexo grupal faz parte da programação recreativa. Presenciou atos sexuais que fazem a maior parte dos filmes pornôs parecerem a Sessão da Tarde. Perdeu muito do próprio preconceito. Aprendeu que as orgias e o swing têm códigos de conduta rígidos. Conviveu com pessoas obrigadas a se esconder sob o anonimato para não serem condenadas por algo que, afinal, diz respeito somente às vidas delas mesmas.


              Sociedade Secreta do Sexo é um livro nacional escrito pelo brasileiro Marcos Nogueira e publicado pela editora Leya. Na verdade quando eu pedi esse livro em parceria eu jurava que era um romance histórico, mero engano.


            Em Sociedade Secreta do Sexo vamos encontrar o relato do jornalista Marcos Nogueira que no ano de 2009 fez uma reportagem para a revista VIP sobre uma festa badalada da high society que era nada mais nada menos, que uma festa de swing (pra quem não sabe esse é um termo que designa a troca de parceiros entre casais). A partir daí ele se interessou pelo assunto e fez uma pesquisa intensa sobre esse universo, chegando a visitar festas em outros países de uma sociedade que é secreta sim, mas que é extremamente organizada e liberal.

            Esse foi um dos livros que eu tive que quebrar a cabeça para resenhar por que primeiro eu não sabia nem como abordar o assunto. Na realidade não é um assunto que me interesse muito, mas confesso que é um livro muito interessante de se ler. Provavelmente se eu soubesse do que se tratava eu não teria lido, na verdade eu passaria longe por que realmente não é um assunto que me atrai.

            O relato do jornalista é bem convincente e cheio de detalhes, ele vai falando desde a festa em São Paulo que participou e gerou sua curiosidade sobre o universo swinger até organizações estrangeiras e resorts especializados em turismo para quem segue esse estilo de vida. Conhecemos personagens que já praticavam o swing  desde o século passado que se mesclam com personagens da vida cotidiana que acabam por viver uma vida dupla, uma a qual a sociedade exige e uma vida levada pelo desejo.

            É engraçado dizer que fiquei meio chocada com algumas cenas relatadas e dei risada em outras, alguns personagens da vida real mais parecem caricaturas, são pessoas meio “bizarras” e outras são pessoas que você nunca imaginaria que curtisse uma troquinha de casais ou ménages. Ainda tô meio sem saber o que dizer sobre esse livro, por que como falei é um assunto que eu não tinha muito domínio e também não tinha muito contato, só em ficção, mas aqui todos os personagens são reais e na maioria das vezes tem idade para serem meus pais ou avós.

            A capa desse livro é bem interessante, lembra um pouco aquelas pinturas dos séculos passados e com a tarja preta, parece censurado. A diagramação não tem lá nada demais, o de sempre que nós esperamos para uma boa leitura. É um livro muito interessante, um verdadeiro manual para quem gosta do assunto. 


a Rafflecopter giveaway


O resultado será publicado no blog, facebook, twitter e Google+ no dia  14/07. O vencedor tem até 72h corridas para responder ao email de contato. O Premio será postado pela editora em no maximo 30 dias uteis após a divulgação do resultado.

Perfis fake e exclusivos de promoção serão automaticamente desclassificados.

Só vale em território nacional.

Se o ganhador descumprir as entradas que marcou será desclassificado e um novo sorteio realizados.

Caso o vencedor não responda ao contato no prazo estipulado, um novo sorteio será realizado.

Boa sorte!

21 Comentários:

Érika Rufo disse...

Eu achava que era um livro hot, pelo título e pela capa. Mas lendo a sua resenha eu vi que se trata de uma coisa totalmente diferente, mas mesmo assim não despertou meu interesse.
Concordo com a Manu, também me sentiria muito desconfortável tendo uma leitura dessa.


Beijos!!

ELIZABETH MACHADO DE SALLES disse...

Estou doida pra ler este livro e poder conferir a história que tantas falam. Amei a promoção. Beijos.

Milena Soares disse...

O livro parece ser ótimo, estou doida pra ler!

Priscila Siqueira disse...

não sei se deu pra transparecer na resenha, mas eu também fiquei MUITO desconfortável lendo esse livro kkkkkk não por que nunca tive contato com esse assunto, mas por que a maioria dos "personagens" tinham idade pra serem meus pais ou avós aí foi meio constrangedor imaginar, mas a abordagem é interessante apesar de tudo

Nardonio Alves disse...

Eu jurava que esse livro era um tipo de ficção que abordava sociedades secretas, mas me enganei completamente. Apesar de não ser muito fã de livros com essa pegada mais jornalística, fiquei interessado em lê-lo, justamente pelo tema abordado. Fiquei curioso pra ler essas bizarrices que ele encontrou por aí.

@_Dom_Dom

mirelle soares gomes disse...

Certamente eu passo bemmm longe desse livro não mi interesso nenhum pouco. Li a sinopse e a resenha achei uma coisa bem diferente do que imaginava.
Boa sorte para quem vai participar da promo *-*

Fábrica dos Convites disse...

Não seria um livro que eu sairia correndo para ler, mas gostaria de ler futuramente.
Bjs, Rose.

Manu Hitz disse...

kkkkkk... rapaz... quem diria que os tios eram adeptos!

Michelli Santos Prado disse...

Oi Pri! Tudo bem?
Achei super interessante conhecer e saber mais sobre o livro que eu também ao ver a capa fazia outra ideia dele.Mas também creio que seria uma leitura uma leitura que não me agradaria por também ser um assunto que não acharia proveitoso ler. Mas parabéns pela resenha!

Luana Souza disse...

Pela capa e sinopse eu não leria esse livro, mas sua resenha mudou um pouquinho minha opinião.

Tamiris Leitão disse...

Assim, eu não vi muitos comentários sobre a obra, mas achei interessante o assunto abordado (sim, gosto de ver sobre esse assunto). kkk Gosto de ver o ponto que as pessoas chegam para que haja algo diferente no sexo, já li sobre muita coisa bizarra, então fiquei curiosa sobre que tipos tem por ele.


Bjs.

Douglas Fernandes disse...

Fico pensando se esses autores que escrevem esse tipo de livro não estão escrevendo sobre si mesmo, será que aconteceu com eles algo parecido e eles tentam contar fingindo ser de seu personagem, acredito muuuuuito nisso, sabe aquela velha historia de "aconteceu com meu amigo uma vez..."
mas então eu nao curto esse tipo de livro

Oliveira disse...

Pelo título já não leria, mas não pensei que o livro abordasse esse tema dessa forma. Uma completa surpresa, mas realmente não é o tipo de leitura para mim.

aninha disse...

é, não deixa de ser um livro interessante, mas admito que não o leria agora mas tenho curiosidade. não me atrai a forma do livro, praticamente um testemunho do jornalista. fiquei meio incomodada é verdade, imaginei coisas não legais de imaginar kkkkkkkkkk! enfim, aparecendo a oportunidade, eu o leria, mas não agora. bj!

Dud's Santos disse...

A resenha está ótima, mas não surtiu efeito em mim
infelizmente. Não são todos os livros que eu bato o olho e sei que vai me
interessar. Tem uns que ficam sempre com aquele vazio até mesmo na sinopse.
Portanto não me interessei.

Isabela Kröning disse...

Ah gente, é um livro quase jornalístico. É interessante a abordagem, porque é feita pra relatar um outro universo que existe por aí sem a gente se dar conta, possivelmente envolvendo pessoas que a gente conheça e tal. Acho interessante, tô participando do sorteio :)

Anne Viana disse...

Acho que todas nós pensavamos que era uma romance..o livro em si não me atrai muito não...gosto de estórias com começo meio e fim e acho que relatos assim meio maçante..



http://livroaoavesso.blogspot.com.br/
https://www.facebook.com/livroaoavesso

Wal Bandeira disse...

A capa é linda, mas o tema abordadop não me interessa, eu gosto de livro que tenham um conteudo mais adulto..mas dentro de uma historia, ja assim do contando coisas..sobre sexo, não me atrai, então este livro vou passar, mas uma boa leitura pra quem curte rs,
beijos.

Jéssica Maria disse...

Desde a primeira vez que vi o livro não tive interesse em ler, e sua resenha só serviu pra mim ter certeza disso "/

Tânia Regina disse...

Participando. \0/
@TaniaSchubert

Ollyver Israel de Lavô Benicio disse...

EU ganhei !!!!

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D