Resenha: Estranha Perfeição (Abbi Glines) Perfeição #01

sexta-feira, 4 de julho de 2014




Edição: 1
Editora: Arqueiro
ISBN: 9788580412819
Ano: 2014
Páginas: 208
Tradutor: Cássia Zanon
Sinopse - Estranha Perfeição - Perfeição - Livro 01 - Abbi Glines

Della Sloane não é uma garota comum. Ansiando se libertar do seu passado sombrio e traumático, ela planeja uma longa viagem de carro em busca de autoconhecimento e dos prazeres da vida real. Seu plano, no entanto, logo encontra um obstáculo: o automóvel fica sem gasolina em Rosemary, na Flórida, uma cidadezinha praiana no meio do nada. Neste cenário, ela conhece o jovem Woods Kerrington, muito disposto a ajudar uma menina bonita em apuros. O que ela não sabe é que Woods é o herdeiro do country club Kerrington e está de casamento marcado com Angelina Greystone, uma união arranjada que culminará na fusão de suas empresas, garantindo o futuro profissional do rapaz. Uma noite despretensiosa parece a solução perfeita para Della e Woods fugirem por um tempo de tanta pressão. Do passado que ela gostaria de esquecer. Do futuro de que ele tantas vezes tentou escapar. Mas eles não poderiam prever que a atração os levaria a algo mais quando os seus caminhos se reencontrassem. Agora precisam aceitar suas estranhezas para descobrirem a perfeição. Se você é fã da série Sem Limites, vai adorar este delicioso romance ambientado no mesmo universo sedutor criado por Abbi Glines. 


Estranha Perfeição faz parte do mesmo universo criado por Abbi Glines na trilogia Sem limites, até agora publicados aqui no Brasil pela Editora Arqueiro, Paixão sem limites e Tentação sem limites. Neste livro temos a história de Woods, é o Woods, aquele fofinho mesmo que parecia que iria ser o vilão que tentaria melar o amor de Rush e Blaire e acabou se revelando um gentleman e anjo protetor da loira. Esta história se passa logo após Tentação sem limites.

Mas o que acontece é que o Woods que Glines nos apresentou em Sem Limites NÃO é o mesmo cara que ela mostrou neste livro!


Mas vamos começar do começo. A autora nos apresenta uma garota de 19 anos chamada Della Sloane. Della está numa viagem sem rumo para se reencontrar. Ela tem um passado sombrio e guarda diversos segredos. A melhor amiga da garota a entrega as chaves do seu carro para que ela viaje. Della não é bobinha e tão inocente quanto aparenta, e eu vou já dizer o por quê, mas acreditem ou não, ela NÃO SABE abastecer o carro. Oi? Alguém mais não se convenceu? 

Ok. Vamos fingir que uma pessoa que tem carteira de motorista não sabe abastecer o carro. Ela chega num posto de gasolina, fica olhando para os lados para ver se alguém não tão ameaçador o bastante está por perto para pedir ajuda. Então ela vê Woods. 

"O corte ajustado dos seus jeans e as botas de cano curto de couro marrom-escuro ressaltavam as suas belas pernas. [...] Dentes perfeitos emoldurados por um rosto que parecia não ver uma lâmina de barbear havia alguns dias. A aparência desarrumada não combinava com a caminhonete cara. [...] O corpo grande e quente dele se aproximou de mim por trás e eu senti cheiro de grama e de algo mais forte... talvez couro."

Esse NÃO é o WOODS, é o RUSH gente! Acho que a Glines se enganou de personagens!  

Brincadeiras à parte! Essa aí é a descrição que a autora faz de Woods. Então, Della decide pedir ajuda e ele, claro, muito prestativo vai ajudá-la e dá-lhe uma verdadeira aula de como abastecer o carro, desde abrir a portinha da entrada do tanque até pagar. Pagar? Oi? Só que isso não é o bastante. Os dois começam um tal de se esfregar lá no posto mesmo, e vou usar um termo que eu vi em uma resenha que não lembro onde, mas que achei que se encaixa perfeitamente aqui, uma espécie de dança do acasalamento. Roça aqui, roça de lá e os dois acabam num jantar, uma rapidinha no carro (oi? a menina que não sabia abastecer?) e depois uma noite de sexo selvagem num hotel.


Você que leu Paixão sem limites e Tentação sem limites está conseguindo acompanhar meu raciocínio? Esse Woods parece o mesmo? 

Mas vamos continuar...

Quatro meses depois, Della volta à cidade onde conheceu Woods e os dois se reencontram em situações completamente diferentes, porém nenhum dos dois esqueceu aquela tórrida noite de sexo quente e selvagem. Woods está noivo de uma pessoa que ele não ama só porque o seu cargo de vice-presidente no Country Clube da família Kerrington depende desse casamento, pois será uma união das duas famílias mais influentes da região. Woods é completamente manipulado pelo pai, que o ameaça o tempo todo em relação a esse cargo. Ele ainda não está pronto para largar tudo, pois essa vida é tudo o que ele conhece e tem. 

Então quando Della chega na cidade a vida dos dois dá uma guinada de 180º e Woods toma algumas atitudes. Ele e Della decidem ficar juntos, porém a moça tem sérios problemas e acha que o rapaz não aguentará lidar com sua bagagem emocional. 

Só que essa garota é completamente contraditória! Ela sabe que certas coisas estão erradas e faz mesmo assim. Ela sabe que certas coisas a prejudicarão e o que ela faz? Exatamente o que a prejudicará. Woods também se torna um cara mala, possessivo, controlador, obsessivo. Fala sério, leitor... De quem você lembrou? Não, espera, deixa eu adivinhar: do Rush!!!??? É, ele mesmo. Woods está agindo IGUAL Rush agia com Blaire na série Sem Limites.

Depois que eles se reencontram praticamente tem cenas de sexo em todos os capítulos, que são curtos e intercalados entre os PoV's de Della e Woods. Eu gosto de capítulos curtos. Alguns flashbacks do passado de Della nos dão um vislumbre do que aconteceu com a garota e somente ao final do livro confirmamos o que suspeitamos praticamente desde o início. Se Abbi tivesse sido um pouco mais criativa daria para fazer uma história muito bacana trabalhando o passado de Della, mas ela não aprofundou e quando ela decidiu revelar foi tudo muito rápido. Aliás, uma palavra pra esse livro é RÁPIDO. Tudo acontece de forma extremamente acelerada e exagerada. 


Agora vamos às minhas impressões. É fato que Abbi Glines sabe como prender o leitor. Sua escrita ágil e fluída, prende o leitor da primeira à ultima página. Eu gosto do jeito que ela escreve. Eu li esse livro em poucas horas. O que eu não gostei foi o fato de ela ter escrito um livro, que na minha opinião, não passa de um caça níquel, porque é assim que eu vejo este livro. As histórias de Estranha Perfeição e Paixão sem limites são iguais!!! Foi um belo control c e control v que a autora deu, até alguns diálogos são parecidos, parece que você está lendo o mesmo livro só com os nomes trocados.

Definitivamente me decepcionei 100% com este livro. Talvez as minhas expectativas fossem altas demais pois Woods na série anterior foi o melhor personagem, em minha opinião, mas aqui ela simplesmente DESTRUIU a personalidade carismática, sensata e educada de Woods. Ele era cavalheiro, todo mauricinho e sempre bem arrumado. Jamais imaginaria Woods falando certas expressões chulas que aqui ele fala. Não sou puritana, não confundam as coisas, gostei da safadeza que foi o Rush e a Blaire, mas porque simplesmente aquilo combinava com eles. Coisa que não funcionou com o Woods criado aqui por Abbi Glines. E não me venham com rebeldia por causa do pai e bla bla bla. Simplesmente essa história não funcionou pra mim. Talvez se eu tivesse lido esse livro antes dos outros, tivesse gostado, mas tenho certeza que não gostaria de Sem Limites da mesma forma que não gostei deste aqui.


Não posso falar da tradução porque não li o original mas a edição da Editora Arqueiro está muito bem revisada e a diagramação está ótima. Gostei da capa ter ficado igual a original, apesar de não curtir muito capas com pessoas. Enfim. Se você está procurando uma leitura que irá te prender e certamente fará com que passe horas agradáveis, então leia este livro, mas sem pretensão nenhuma. Mas se você leu os dois primeiros livros e não está a fim de se decepcionar com o Woods de lá, sugiro que aguarde um pouquinho mais pelo próximo livro da série Sem Limites.

E vocês, o que acharam do livro? Quem já leu? Comenta aqui vai! o/


13 Comentários:

Ju Zanotti disse...

Ahhhhh só tenho uma coisa a dizer quanto aos diálogos eu não tinha certeza, mas tive essa mesma impressão que agora se confirma pela sua opinião. Quanto ao resto você sabe que concordo em gênero número e grau. Com relação ao que aconteceu com Della no passado não acho que é bem uma revelação, já que desde o começo sabe-se o que aconteceu só não é posto em palavras. Enfim Jordana, nada a acrescentar além do que você já disse com muito humor ♥ http://blogliterata.blogspot.com.br/

Michelli Santos Prado disse...

Olá Jordanai!!Realmente ainda não tive oportunidade de ler os livros anteriores e ainda estou "por fora" da série, li muitas resenhas positivas em relação a eles que pretendo ler. Por enquanto não tenho tantas necessidade da leitura por ainda não ter os anteriores e ter algumas séries na frente, mas achei interessante conferir tua resenha e me lembrarei dos pontos que tu disseste que não te agradaram tanto a leitura!

Beijo

fernandakaren13 disse...

Wow, eu ri MUITO dessa resenha! Amei tua revolta, Jordana! HAHAHAHHAH
Ah, agora estou triste. Estava com TANTA fé no Woods. Eu gostei tanto dele em Paixão sem Limites e fiquei super animada quando soube que teria uma história dele. Bem, vou ler o livro e tentar tirar minhas conclusões. Qualquer coisa, vou conversar com vocês no twitter depois.
Beijos.

Dani disse...

Eu tenho Paixão e Tentação sem Limites porém ainda não tive a oportunidade de - de fato - lê-los, mas uma vez folheando o primeiro livro, a sensação que tive dos fragmentos de história que eu peguei era de que eu estava lendo uma fanfic o.O

Fábrica dos Convites disse...

Oi Jordana, estou lendo o livro no momento, não li toda sua resenha, mas percebi que sentiu diferença deste Woods para o retratado em Sem Limites. Como não li SL, não posso opinar.
Bjs, Rose.

Arlindo Lobo Barata disse...

Ah sua resenha foi linda....ksks
Já tinha ouvido falar sobre os livros, mas não cheguei a parar para verificar se vale a pena. E agora eu fiquei curioso em ler.

Abraços!!
http://macaliteraria.blogspot.com.br/

Érika Rufo disse...

Adorei!! Ri muito da sua resenha!! Ainda não li esse livro e nenhum da série, pois não sou chegada em hot. E esse parece ser especialmente irritante, mas sabe que até fiquei curiosa com esse?? rsrs


Beijos!!

mirelle soares gomes disse...

rsrsrsr ri muitoooo lendo essa sua resenha :D
Não tenho muito interesse nesse livro :P

Tamiris Leitão disse...

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
Nunca ri tanto com uma resenha como a fiz hoje, lendo essa. Gente que engraçado. E esses gifs? kkkkk *chorei*
Sobre a história, essa não é a primeira vez que leio esse tipo de comentário. Então, fiquei bastante decepcionada com o fato da autora achar que somos idiotas e que não iríamos notar a cópia. Então, eu só leria se viesse parar na minha mão, mas fora isso, estou se expectativas para com o livro.

aninha disse...

qdo eu vi as duas estrelinhas já broxei. aprendo a não ter expectativas com lançamentos (pelo menos tento né) mas admito que esse eu queria muito ler pra ver o Woods atencioso, carinhoso que conhecemos nos outros livros. mas sabia que a Abby Glines estraga os personagens dela, veja no que ela transformou Rush no segundo livro. =/ sei que vou ter raiva qdo eu ler esse livro então por enquanto, ele vai ficar fora da minha lista. quem sabe um dia =///

Michele Lopez disse...

kkkkkkkkkkkkk Morri de dar risada com as ilustrações do post!
Ainda não li o livro, mas ele parece ser uma leitura boa, mas sem muitas surpresas.
Não me interessei muito pela leitura da série não.

Douglas Fernandes disse...

Rachei de rir, principalmente dos Gifs...
não curto esse tipo de livro, nao acrescenta nada pra mim, se eu quiser algo assim eu vejo um pornô... ¬¬
essa é uma série q nao pretendo ler...

Nardonio Alves disse...

É complicado quando a autora perde a mão com algumas das personagens que ela cria. Mudar a personalidade dele assim bruscamente é bem estranho mesmo. E quando se vê que essa nova trama é um ctrl c + ctrl V da anterior, fica difícil de engolir.

@_Dom_Dom

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D