Resenha: Louco por Você (Jasinda Wilder) Série Falling Livro #01

quarta-feira, 26 de novembro de 2014



Título: Louco Por Você
Autor: Jasinda Wilder
Edição: 1
Editora: Novo Conceito
ISBN: 9788581635316
Ano: 2014
Páginas: 272
Tradutor: Leonardo Gomes Castilhone


Sinopse: Nell e Kyle são amigos desde a infância. Sempre fizeram tudo juntos, então ela nem se lembra de quando se tornaram realmente um casal. Quando Kyle morre da forma mais repentina, o mundo de Nell é lançado em um abismo de incertezas e dor. É quando Nell conhece Colton, irmão de Kyle e até então um completo desconhecido para ela. Estranhamente, é como se Colton a conhecesse há muito tempo... é como se ele a conhecesse por dentro. Ambos passam, então, a lutar para seguir em frente da melhor maneira possível. Nell, sufocada pelo peso da culpa.Colton, lutando contra a força que o arrasta em direção a ela... Cada um à sua maneira, os dois precisam desesperadamente encontrar o sentido da cura e do perdão. Em Entre a paixão e a dor, Jasinda Wilder combina o calor do desejo com a angústia, a perda da inocência, o luto e as tentativas de recomeço. O resultado é uma viagem ao mesmo tempo sensual e melancólica que ficará gravada em sua pele muito tempo depois que esta história terminar.



            Louco por Você é o primeiro livro de uma série com quatro livros intitulada Falling, escrita pela Jasinda Wilder e publicado aqui no Brasil pela editora Novo Conceito. Confesso que demorei a embalar essa leitura, porém se eu soubesse que ia gostar tanto desse livro teria me esforçado muito mais antes.


            Nell foi amiga de Kyle desde que se entende por gente, ela e ele formam um par e tanto e quando crescem esse sentimento evolui para amor. Eles se tornam um casal e vivem felizes, apesar de ovens Kyle pretende formar uma família com Nell e a pede em casamento durante uma viagem e é aí que as coisas mudam, a moça diz não e durante uma discussão uma árvore cai matando Kyle no processo. Um buraco fundo demais, muita dor e sofrimento a partir daí permeiam a vida de Nell, quando no funeral ela conhece Colton, irmão mais velho de Kyle eles sentem algo de diferente e dois anos depois nem Colton e nem Nell conseguem resistir a esse sentimento. Ambos estão quebrados além do conserto e parecem ser as peças que faltavam para se completar.

            Eu gosto bastante do estilo de narrativa alternada entre Nell e Colton que a autora optou, dessa forma temos acesso aos sentimentos de ambos os personagens, o que nesse caso fez toda a diferença.

            Nell carrega uma culpa muito grande e isso a está consumindo lentamente, ela se recusa a sentir a dor e a perda de Kyle e entorpece isso bebendo e fazendo pequenos cortes nos braços. Já Colton passou por muita coisa e anos depois ainda sofre com tudo o que passou e ainda tenta lidar com a morte do irmão mais novo e a atração irresistível que tem pela namorada dele. Quando finalmente eles se entregam a essa paixão ambos começam a se curar, eles começam passo a passo a viver um pouco mais. Nell resiste aos impulsos de se cortar e Colton começa a cuidar dela ocupando um espaço essencial em sua vida.

            Eu gosto muito da personalidade quebrada de ambos, Nell tenta ser forte, ela não reclama muito e tenta a todo custo não deixar a dor sair. Já Colton parece um cara durão e realmente ele já viu e viveu muita coisa desde que saiu de casa aos 17 anos e hoje é um bad boy em recuperação. Ambos têm uma paixão pela música e amam City and Colour, e eu sou apaixonada por Dallas Green e sua voz de anjo, esse detalhe só me fez amar um pouquinho mais esses dois.

            Eu gosto dessa capa apesar de achar que ela não traz a parte emocional do livro que para mim é o que mais ficou marcado. A diagramação está satisfatória com pequenos detalhes nos começos dos capítulos. Gostei dos toques da tradução, como notas de rodapé sobre as letras das músicas. Enfim, me lembrou muito Entre o Agora e o Nunca e para quem gostou dele, Louco por Você é uma boa recomendação.

| comente (:

aninha disse...

sou bem chegada em um YA. e gostei que a autora fez que personagens tão machucados, com suas tristezas e bagagens, se encontrassem e aos poucos se completassem. eu sei que quase todo YA é assim, mas se não tiver um diferencial ou se a leitura não render, não funciona. achei a capa simples e romântica =) tá anotada a dica!

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D