Resenha: Entrega (J.C. Reed) - Trilogia Devoção - Livro #03

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015



Título: Entrega
Autor: J. C. Reed
Edição: 1
Editora: Única
ISBN: 9788567028491
Ano: 2014
Páginas: 269



Sinopse: Existem amores indecifráveis, que não enxergam distâncias, desafiam o tempo, fazem com que qualquer obstáculo seja superado e dispensam justificativas ou explicações. Brooke Stewart pode dizer que já viveu uma verdadeira montanha-russa de sentimentos desde que conheceu Jett, o homem mais envolvente e arriscado de sua vida. Como agente imobiliária workaholic em Nova York, ela não havia conhecido o amor até cruzar com os olhos verdes que lhe tiraram o bom senso: alto, sexy e arrogante, Jett era tudo aquilo do qual ela havia jurado ficar longe.  Jett Mayfield sabe que finalmente encontrou alguém capaz de envolvê-lo e desafiá-lo no momento em que coloca os olhos em Brooke, e não mede esforços para mantê-la em sua vida... E em sua cama. O futuro parece maravilhoso, mas quando o passado começa a persegui-los é preciso fazer escolhas difíceis. Salvar a quem se ama significa se despir de limites. No terceiro livro da série que conquistou o mundo, você perderá o sono até chegar à última página. O amor de Brooke e Jett passará por um novo teste: será ele forte o suficiente para superar essa prova definitiva?



                            Entrega é o terceiro volume da trilogia Devoção, escrito pela J.C Reed e publicado no Brasil pela Editora Única. Vamos começar dizendo que o primeiro livro não me animou, o segundo deu uma melhorada e no terceiro eu achei que estava lendo outra trilogia.


                              Brooke está grávida de Jett e agora eles moram juntos, apesar de ainda ter a ameaça do clube sob suas cabeças eles parecem se dar bem. Ela ainda tem muitas inseguranças e ele parece ainda ter algumas questões para provar a ela. Quando o pai dele finge sua morte as coisas começam a dar errado, Brook quase morre e Jett fará de tudo para protegê-la.

                                 Comecemos dizendo que a narrativa continua sendo de Brooke e ela continua sendo chata e mimada e insegura e bleh. 

                                      Esse livro foi uma decepção em muitos níveis, vamos começar falando um pouco sobre a morte fake, sim o pai do Jett finge que morre e volta dos mortos para chantagear a Brooke dizendo que ela deve largar tudo e todos e fugir e o que ela faz? Pois é, a partir daí tudo vira uma confusão, você não sabe mais se está lendo um romance hot ou um desastre policial, pois o livro acaba falhando nos dois quesitos. De repente do nada Jett volta a fazer parte de uma gangue que gosta de corridas de carro(???) 

                             
                                 Pois é do nada temos corridas de carros, uma organização secreta de milionários que gosta de fazer sexo e sei lá parece uma mistura de Velozes e Furiosos com Sociedade Secreta, enfim é tudo muito confuso só sabemos que mesmo grávida Brooke não sente nenhum sintoma e continua fazendo malabarismos sexuais com Jett como se nada tivesse acontecido e ela nem quase tivesse morrido.

                            Acho que já dei spoiler suficiente e só posso dizer que o final é mais decepcionante ainda. Sem graça, cheio de furos e muito vago. 

                             Apesar do iluminador da modelo roubar a cena, eu gosto da capa preta com detalhes. A diagramação está ok. Enfim nem sei o que dizer, leiam e emitam suas próprias opiniões.