Resenha: Os Segredos de Colin Bridgerton (Julia Quinn) - Os Bridgertons Livro #04

sexta-feira, 20 de março de 2015


Título: Os Segredos de Colin Bridgerton
Autor: Julia Quinn
Edição: 1
Editora: Editora Arqueiro
ISBN: 9788580413076
Ano: 2014
Páginas: 336
Tradutor: Cláudia Guimarães


Sinopse: Os Segredos de Colin Bridgerton - Há muitos anos Penelope Featherington frequenta a casa dos Bridgertons. E há muitos anos alimenta uma paixão secreta por Colin, irmão de sua melhor amiga e um dos solteiros mais encantadores e arredios de Londres. Quando ele retorna de uma de suas longas viagens ao exterior, Penelope descobre seu maior segredo por acaso e chega à conclusão de que tudo o que pensava sobre seu objeto de desejo talvez não seja verdade. Ele, por sua vez, também tem uma surpresa: Penelope se transformou, de uma jovem sem graça ignorada por toda a alta sociedade, numa mulher dona de um senso de humor afiado e de uma beleza incomum. Ao deparar com tamanha mudança, Colin, que sempre a enxergara apenas como uma divertida companhia ocasional, começa a querer passar cada vez mais tempo a seu lado. Quando os dois trocam o primeiro beijo, ele não entende como nunca pôde ver o que sempre esteve bem à sua frente. No entanto, quando fica sabendo que ela guarda um segredo ainda maior que o seu, precisa decidir se Penelope é sua maior ameaça ou a promessa de um final feliz. Em "Os segredos de Colin Bridgerton", quarto livro da série Os Bridgertons, que já vendeu mais de 3,5 milhões de exemplares, Julia Quinn constrói uma linda história que prova que de uma longa amizade pode nascer o amor mais profundo.



                    Os Segredos de Colin Bridgerton é o quarto livro da série dOs Bridgertons, escrito pela Julia Quinn e publicado no Brasil pela Editora Arqueiro. Comecei a ler esses livros nas férias, as férias acabaram e os livros não #shoraylargada.


                      Colin é o quarto filho dos oito da família Bridgerton, ele é o chamado "encantador" durante anos ele teve uma ânsia de viajar pelo mundo, mas um vazio por não ter nada significativo. Penelope é invisível, ela sempre foi o patinho feio da sociedade londrina, sempre deixada de canto por ser considerada inferior e feia. Até mesmo Colin anos atrás disse que jamais se casaria com alguém como ela, o que quebrou o coração da pobre moça que sempre foi apaixonada por ele. Quando aos 28 anos Penelope finalmente chama a atenção do moço, não por ter mudado, mas por esconder um segredo que faz com que Colin se abra para ela.

                            Eu amo as narrativas da Julia Quinn e ela continua com a mesma linha nesse livro, terceira pessoa com enfoque nos personagens principais. Ainda temos alguns comentários da coluna de fofocas que mexe com a sociedade, mas só até o meio do livro mais ou menos.

                             Vamos falar um pouco desses personagens encantadores, eu adoro essa pegada meio patinho feio que descobre que é um cisne e essa é Penelope, ela sempre foi apaixonada por Colin e a machucou demais quando ele falou que nunca se casaria com ela, pagou a língua. Quando ele volta de mais uma viagem, anos depois do ocorrido eles começam a se aproximar por conta da sagacidade de Penelope e por que Colin se dá conta de que gosta de conversar com ela e que gostaria de passar mais tempo com a moça. Quando um beijo entre os dois acontece, o rapaz fica pensando em como ele passou tanto tempo sem perceber que Penelope pode ser mais que sua amiga.

                             Esse entrou para o hall dos livros históricos preferido, após minha implicância com o terceiro livro, que não me agradou muito, Julia Quinn conseguiu voltar as minhas graças, por que Colin e Penelope são um casal muito gracinha, não tem como passar duas páginas sem suspirar por esses dois. Ele é um romântico incurável e ela é uma boba por ele que se derrete toda vez que ele demonstra que gosta dela.

                             Essa capa também é maravilhosa, eu adorei essa modelo e as cores mais neutras utilizadas. A diagramação está ok. Enfim, em breve eu volto com mais Bridgertons até por que ainda estamos na metade dos filhos. Beijos.          

3 Comentários:

aninha disse...

Colin! Penelope! <3 eu admito que bizoei o livro logo que chegou na minha mão pq não aguentava de tanta ansiedade! amei esse livro do começo ao fim! da vontade de colocar Penelope no colo e consolá-la mas ñ é que a danada é uma moça forte! toda a história é suspirante, Julia Quinn caprichou! a capa é um mimo, acho todas de muito bom gosto =) bj!

Glabelle Maria disse...

Com tantos elogios fica impossível travar a curiosidade! E ainda tem estes segredos entre o Colin e a Penelope que só serve para aumentar a ansiedade da gente...rs

Nardonio Alves disse...

É tão bom quando uma série vai melhorando a cada volume lançado, não é?!?! Apesar de serem bem clichês, eu também gosto bastante das tramas em que rolam essa transformação de patinho feio para cisne. Só posso dizer que quero muito ler os livros da Julia Quinn.

@_Dom_Dom

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D