Feed your Beauty: As Cinderellas do Cinema

sábado, 4 de abril de 2015



Olá de novo, pessoas!

Antes de tudo, quero muito agradecer a todos por terem me recebido com tanto carinho aqui no Feed Your Head! Não imaginava que a coluna faria tanto sucesso e tampouco teria essa receptividade toda por aqui! Estou extremamente viada com tudo isso! Obrigada, obrigada e obrigada!



Agora voltando a tratar de assuntos extra-literários, resolvi abordar um tema que acho que agrada a todo mundo: filmes! Ok, talvez, nem tanto a rapaziada por se tratar de um conto de fadas, entretanto tenho certeza que cada uma das leitoras daqui um dia já fantasiou ser essa personagem. Principalmente após olhar uma pia lotada de louças para lavar em um domingo à tarde e tendo somente você para limpar tudo isso...

NÃAAAAAAAAAAO!

Lógico que é nossa amada, Cindy! A diva loira dos Irmãos Grimm que além de ter duas meia-irmãs pentelhas e uma madrasta chata, ainda tinha que fazer cosplay da Escrava Isaura diariamente. E que quando teve seu grande momento de sorte, a única coisa que pediu foi a oportunidade de ir para uma baladinha da vida. E acabou encontrando um cara rycoh e pode sambar de salto (literalmente) na cara da sociedade! Eh sonho de vida!

Bem, é inegável o sucesso da mais recente versão desse clássico, onde Lily James, Cate Blanchett e Richard Madden têm atuações bem bacanas. No entanto, muita gente não lembra (ou não sabe) que esta é uma das estórias mais adaptadas do cinema.  Por isso, resolvi aqui recordar algumas "Cinderelas" que já passaram nas telinhas da 7ª arte. Ah! Vale também notar como o padrão de beauty das Gatas Borralheiras mudou ao longo de dois séculos!

Bleuette Berdon em Cendrillon - 1899 

A atriz francesa foi a primeira Cinderela do cinema ainda no século XIX. O filme que é mudo, foi considerado perdido por vários e após ser encontrado, o tempo deteriorou algumas cenas, deixando-o um pouco mais curto do que o original. Uma pena, né?

A primogênita das princesas pronta para ir ao baile em 1800 e bolinha...

Mary Pickford em Cinderella - 1914

Exatos 15 anos antes de ganhar seu primeiro Oscar, a queridinha da América na década de XX, atuava como a primeira Cinderela loira que se tem conhecimento. O triste é que o filme é preto e branco, portanto nada de ver os cachinhos dourados da moçoila.

Mary Pickford na cena da transformação para o baile. S2

Deanna Durbin em First Love - 1939 

Nesta primeira tentativa de modernizar um pouco a estória, o musical conta a história de uma pobre órfã que consegue ir ao baile depois de uma vaquinha dos amigos e se apaixona pelo namorado High Society da sua prima malvada. Drama mode on! 

Deanna na clássica cena do "Oops, caiu!"

Julie Andrews em Cinderella - 1957

Tudo bem, que esse filme não passou em nenhum cinema e sim, foi produzido especialmente para a TV americana. MAS COMO EU POSSO RENEGAR UMA JULIE ANDREWS COMO CINDERELA????  Confesso que durante minha pesquisa para o post eu rodei como louca atrás desse filme e não me arrependi de ter visto. Acho que Julie entrou no meu hall de Cinderelas favoritas!

Cinderela mais diva é impossível! 

Drew Barrymore em Para Sempre Cinderela - 1998


Quem nunca viu esse filme na Sessão da Tarde não sabe o que é vida! De todas os filmes sobre o tema, em termos de popularidade esse aqui só perde para a animação da Disney. Também, quem é que não se encanta com a versão "real" da Gata Borralheira? E uma Cindy ruivinha que era a garotinha do E;T? Sem contar que Angelica Huston como a megera madrasta é sensacional! Deixando a pequena observação que este é um dos filmes favoritos da Priscila! (queimo o filme mesmo porque sou dessas)

De longe a Cinderela e o Príncipe mais carismáticos!

Hillary Duff em A Nova Cinderela - 2004

De volta para a Cinderela de madeixas douradas, temos a Hillary Duff uma versão bem teen desse romance. Esqueçam os sapatinhos de cristal, o baile do reino e o príncipe: o que a adolescente perde é o celular, durante o baile do Dia das Bruxas do Colégio logo após descobrir que seu namoradinho virtual é o astro do colégio. É um desses filmes legais só para matar o tempo e perceber como o celular tijolão e o desktop mudaram tanto em somente 10 anos!

Vale comentar que, há mais duas "continuações" desse filme: uma de 2008 com a Selena Gomez e outra de 2011 com a Lucy Hale, da série Pretty Little Liars


Sam e seu "príncipe" Austin

Bem, estes foram só alguns das outras tantas versões que esse clássico teve... Na pesquisa,  encontrei uma versão animada japonesa, uma adaptação para um conto natalino e juro que até achei filme pornô onde o Príncipe Encantado era um alienígena (Oi?). Embora, mesmo nas versões mais bizarras existe sempre um "felizes para sempre" tão comum em todos em contos de fadas!

Ah, vale lembrar que para a versão cinematográfica mais recente, foram lançados lá na gringa diversas coisas tipo maquiagem, bonecas, roupas, porcelanas... Mas sobre tudo isso falo em breve em um próximo post! 

Beijos e até a próxima semana!











2 Comentários:

aninha disse...

morria e não sabia que a Julie Andrews tinha sido uma Cinderela! e que linda! ^^ e vc ainda colocou o link do filme sua linda! gosto muito dos clássicos, da história original sabe, fico um tanto receosa quando querem dar uma nova roupagem a histórias assim, mas as vezes da certo, como Branca de Neve e o Caçador que apesar de ter sido dirigido por um porco, o filme funciona por causa do elenco. Tenho o desenho da Cinderela (pois é lol) e fiquei bem feliz de saber que o filme mais recente é bem fiel ao original. tbm sou bem suspeita com Para Sempre Cinderela pq amo filmes com a Drew Barrymore <3 adorei esse tbm rs! adorei o post Aline!

Priscila Siqueira disse...

sou apaixonada por Para Sempre Cinderela mexmo kkkkkkkk sei as falas de cór dá é raiva de ver cmg pq eu saio falando junto com os personagens e TODA VIDA eu choro quando ela leva chicotadas da madrasta grey e o príncipe abraça ela e ela sente dor...e para de me entregar nos teus posts aline mulher kkkkkkkkkkkk

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D