Resenha: O Beijo de Chocolate ( Laura Florand) Amor e Chocolate - Livro #02

quarta-feira, 29 de julho de 2015



Título: O Beijo de Chocolate
Autor: Laura Florand
Edição: 1
Editora: Única
ISBN: 9788567028651
Ano: 2015
Páginas: 304


SinopseQuem Nunca Sentiu Algo Tão Forte Que Pensou Que Só Poderia Estar Enfeitiçado? Na pequena Île Saint-Louis, no coração da romântica Paris, esconde-se uma casa de chá especial e mágica: La Maison des Sorcières. As tias Aja e Geneviève confiaram em sua jovem sobrinha Magalie para ajudá-las na empreitada de encantar os clientes com doces e bebidas que são literalmente feitiços – em especial, o inexplicável chocolate quente de Magalie. A vida seguia tranquila até que o badalado pâtissier Philippe Lyonnais resolve abrir uma filial de sua loja a poucos metros dali. É então que começa uma batalha mais do que apimentada entre os dois doceiros: Magalie tenta punir (e instigar) Philippe com suas xícaras de chocolate quente, e ele a enlouquece com tentações inéditas e cheias de sabor. Magalie, porém, nunca esteve pronta para sentir algo tão forte e, depois de tanto tempo isolada, ao conhecer Philippe vê que não pode mais fugir de quem é e dos seus desejos. Contudo, ele significa o risco de perder tanta coisa… Tudo aquilo que vale mais que um simples – ainda que absolutamente tentador – macaron. Entre a teimosia e o desejo, o doce e o amargo, descubra as emoções que só a paixão com uma boa dose de cacau e magia pode despertar. 


                  O Beijo de Chocolate é o segundo volume da série Amor e Chocolate da autora Laura Florand, publicado no Brasil pela Editora Única. Não é segredo que eu estudo francês e que sou fascinada por tudo que envolve a cultura desse país maravilhoso chamado França! Não poderia ter uma série na qual eu pudesse me apaixonar mais.


                         Magalie é metade francesa, metade americana, ela viveu sua vida toda sem raízes sendo levada e trazida por sua mãe que vivia entre a França e a América. Essas mudanças constantes acabaram por deixar Magalie com um sentimento de não-pertencimento, quando ela se mudou para morar com as tias(irmã de sua mãe e a companheira dela) em Île Saint -Louis e começou a trabalhar na "casa de chá" delas, finalmente Magalie se sentiu em casa. Quando Philippe Lyonnais o principe patissiêr francês decide montar uma loja na rua do estabelecimento das tias de Magalie tudo pode mudar.

                       Não é segredo que eu adoro a cultura francesa e tudo que envolve esse país maravilhosos, eu amo saber um pouco mais sobre costumes, sobre culinária, etc. A grande sacada para mim dessa série é exatamente isso, nem todo mundo vai curtir e saber conviver com personagens de Laura Conrad. Todos são extremamente cheios de arrogância como todo bom francês, as piadas são sim engraçadas para quem sabe apreciá-las e nenhum deles tem uma pegada muito romantizada. Todos os personagens são românticos a seu modo, mas também são turrões.

                         Magalie e Phillipe não seriam diferentes, eles vivem as turras e essa é uma relação de poder, quando você menos espera percebe que eles são loucamente apaixonados um pelo outro e é exatamente aí que está o encanto dessa história, você não percebe eles se apaixonarem, eles não se entregam a essa paixão de forma fácil, ele admite primeiro que ela e ela não parece disposta a deixá-lo entrar.  O fato de a autora brincar com o lance de bruxas de contos de fadas, poções, desejos, princesas e príncipes só deixa esse romance cada vez mais delicioso de se ler.

                        Eu adoro o enredo e adoro o modo apaixonado com que a autora descreve as ruas de Paris, parece realmente que você está caminhando ou correndo junto com Magalie e que sente o encanto de Île Saint - Louis que Phillipe sente quando vai lá pela primeira vez. São cenários encantadores e reais, quase consigo sentir o cheiro do chocolate de Magalie e o sabor do macarron de Phillipe.

                           Essa capa segue a mesma diagramação e o traço do desenho mais europeu mesmo do primeiro volume dessa série. Eu, particularmente, adoro essas capas, acho de um bom gosto enorme. Além de serem bem coloridas. A diagramação está quase ok, encontrei alguns erros de digitação que não é tão serio e não atrapalhou muito minha leitura. Enfim, vocês precisam ler esse livro, ele é adorável.

                             

| comente (:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D