Resenha: Predestinadas (Jessica Spotswood) - As Crônicas das Irmãs Bruxas Livro #03

sexta-feira, 10 de julho de 2015



Título: Predestinadas
Autor: Jessica Spotswood
Edição: 1
Editora: Arqueiro
ISBN: 9788580413977
Ano: 2015
Páginas: 288
Tradutor: Ana Ban



Sinopse: Cahill acabou de ser apagada da memória de Finn, o grande amor de sua vida. A responsável por essa traição foi Maura, uma de suas irmãs, e Cate está certa de que nunca vai conseguir perdoá-la. Enquanto isso, Tess, a caçula, está às voltas com visões cada vez mais assustadoras.Como se não bastasse, a Nova Inglaterra vem sendo tomada por uma febre mortal sem precedentes. Preocupada, Cate quer ajudar a todos, mas é impossível fazer isso sem revelar seus poderes e, assim, aumentar a fúria dos Irmãos da Fraternidade, os implacáveis caçadores de bruxas.Em meio a desavenças com suas aliadas em potencial, Cate terá que se desdobrar para conseguir prestar o auxílio que deseja, proteger Tess e Finn e lutar por uma nova ordem que permita que as bruxas sejam representadas no governo de sua cidade e não precisem mais se esconder.Predestinadas é o desfecho de uma saga permeada de delicadeza, cores, magia e fortes emoções. As irmãs Cahill terão que enfrentar os maiores desafios de sua vida, e o amor que sentem uma pela outra será fundamental nessa jornada.


                    Predestinadas é o último volume dAs Crônicas das Irmãs Bruxas, escrito pela  Jessica Spotswood e publicado aqui no Brasil pela Editora Arqueiro. Estava esperando ansiosamente por esse livro, pois gostei muito dos dois primeiros volumes dessa trilogia.

                          Cate Cahill é uma das três bruxas de uma profecia, depois que sua irmã Maura apagou a memória de seu amado Finn a tirando completamente das lembranças dele, ela vai lutar com todas as forças para que a irmã não volte a fazer mal a quem ela ama. Cate começa a trabalhar secretamente com um grupo rebelde e seu caminho com Finn pode não estar completamente perdido. Será que o amor deles vai superar a falta de lembranças? Será que a profecia irá se cumprir?
                         

                        


                             Cate é a nossa narradora, depois de anos cuidando das irmãs, quando finalmente ela começa a ter esperança e viver um amor, Maura tira Finn dela. E Cate não deixa por isso mesmo, se antes ela tentava justificar as maldades da irmã, agora ela realmente desistiu dela e Maura sente isso, pois Cate demonstra o quanto está irritada com a irmã, fala mesmo na cara dela que não quer mais vê-la e chega até mesmo a machucá-la fisicamente. Convenhamos eu faria pior.

                               Além do drama de Cate e Maura, temos uma trama que trabalha muitas nuances como preconceito e feminismo, Temos uma sociedade comandada por homens, onde as mulheres não tem nenhum tipo de direito, muitas vezes elas são presas injustamente apenas por quererem algo um pouco melhor. O final não decepcionou, muito pelo contrário, não tivemos um final aberto, sabemos exatamente o que vai acontecer e finalmente a profecia se realiza e os vilões tem seus castigos.

                           A capa desses livros são maravilhosas e de Predestinadas não poderia ser diferente. A diagramação está bem ok. Enfim, mais uma trilogia com um bom desfecho.

| comente (:

aninha disse...

ISSO! até que enfim Cate acordou e viu que a irmã dela não é flor que se cheire! acompanho desde a primeira resenha, e muito bom saber que a trilogia teve um final bom, merecido e bem direto, nada de pendências e ganchos! agora posso ler sem medo! as capas são lindas, de bom gosto. vou esperar um box ou alguma promo para comprar =)

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D