Resenha: 1 milhão de motivos para casar (Gemma Townley)

sexta-feira, 14 de agosto de 2015



Título: 1 Milhão de Motivos Para Casar
Autor: Gemma Townley
Edição: 1
Editora: Record
ISBN: 9788501400482
Ano: 2015
Páginas: 392
Tradutor: Alice França



Sinopse: 1 Milhão de Motivos Para Casar - Quatro milhões de libras. Para Jessica Wild, este é um valor que ela nunca mesmo, em seus sonhos mais loucos, conseguiria ter. Porém, é mais ou menos o quanto ganha quando sua amiga Grace morre e a deixa como herdeira. O único obstáculo entre Jess e a fortuna é um  detalhezinho no testamento: seu nome aparece como Sra. Jessica Milton.  A questão é que... bem... Grace sempre perguntava sobre a vida amorosa de Jess. Ela, por sua vez, descrente no amor e na felicidade conjugal, acabou inventando um namorado — que viria a se tornar seu marido — de mentira. O sortudo foi Anthony Milton, seu chefe. E agora Jess se vê em um beco sem saída: a única maneira de conseguir a herança é se casar com Anthony. Em cinquenta dias. E sem que ele saiba o verdadeiro motivo.  Jessica então terá de usar todas as manobras possíveis para conseguir o sucesso da nova empreitada: o Projeto Casamento.



                 1 Milhão de Motivos para Casar foi escrito pela Gemma Townley, que por acaso é irmã da rainha do chick-lit Sophie Kinsela, e publicado no Brasil pela Editora Record. Chick-lit não é muito meu estilo, mas resolvi dar uma chance a essa autora, gostei no livro num geral apesar de achá-lo bem bobinho.

                 Jessica Wild trabalha em uma empresa de publicidade, desde o primeiro momento ela é fascinada por um de seus chefes, Max. Seu outro chefe Anthony Milton é nada mais que um homem lindo, mas que não parece combinar em nada com ela. Quando uma grande amiga Grace, que acreditava que ela era casada com Anthony, morre deixando para Jessica Milton sua herança de quatro milhões de libras, Jessica terá um projeto muito importante para enfrentar: convencer Anthony Hamilton a se casar com ela.

                 Sabe aqueles filmes de comédia romântica bem sessão da tarde? Pois bem, é esse livro. O enredo é bem clichê e previsível, Anthony é um canalha, Jessica é bobinha e muda se tornando a gostosa da agência, ele se interessa por ela, mas não deixa de ser canalha. A todo momento vemos que Max é o par perfeito para Jess, o grande problema são 4 milhões de libras que estão em jogo.


              Como falei, bastante previsível. Apesar desse pequeno defeito, dá pra se divertir um pouco com Jessica, ela é engraçadinha, há cenas em que ela aprende com uma prostituta a conquistar um homem que até dá para rir um pouco, mas só um pouco por que a situação é tão ridícula que logo perde a graça. E é exatamente por isso que eu não gosto e raramente leio chick-lits é questão de gosto pessoal mesmo, acho que é um tipo de livro que você já começa sabendo o final e no meio tem umas cenas sem noção para lhe fazer rir e só. Não há um grande drama, nem um clímax na obra em si, a cena de desfecho da confusão não me chamou atenção também, acho que tudo se resolveu de maneira muito fácil.

               Não dei uma nota mais baixa para o livro, pois de certa forma serviu para me distrair principalmente essa semana que foi tão corrida e tão cheia de chateações para mim. 

               Eu acho essa capa linda, adoro o conceito do desenho do vestido. A diagramação também está ótima e contribui muito para a leitura. Se você gosta de chick-lit vale a pena dar uma lida.

| comente (:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D