Resenha: Eu e Você (Ali Cronin) - Garota ama Garoto Livro #06

sexta-feira, 7 de agosto de 2015



Título: Eu e Você
Autor: Ali Cronin
Edição: 1
Editora: Seguinte
ISBN: 9788565765428
Ano: 2014
Páginas: 336
Tradutor: Rita Sussekind



Sinopse: Um ano se passou desde esse início de Garota Ama Garoto, e Sarah está mais madura e experiente. Disposta a superar o passado, ela voltou a namorar seu melhor amigo, Ollie. Porém, por mais que o relacionamento pareça ótimo, Sarah está atordoada, cheia de dilemas e questionamentos.Depois que seu pai perde o emprego, Sarah tem de abrir mão das últimas férias de verão antes do começo da faculdade, para ajudar com as despesas da família. Enquanto lida com as mudanças em casa, a expectativa pelas notas finais e a impossibilidade financeira de ir para a Grécia com os amigos, Sarah torna-se próxima de Jackson, seu colega do trabalho na livraria. Os dois descobrem que têm muito em comum, e essa amizade confunde ainda mais a garota. Afinal, será Ollie realmente o amor da vida dela? E como ficarão as coisas quando os dois forem para a faculdade? Sarah precisa descobrir um jeito de lidar com todas as inseguranças, sem esquecer dos seus amigos do coração.



                    Eu e você é o último volume da série Garota <3 Garoto da autora Ali Cronin. Levei um tempo para ler esse livro da Editora Seguinte, pois estava lendo os outros livros da série que vocês já devem saber que a Dana adora.  Não tive a mesma sorte.

                      Um ano se passou desde o início dessa caminhada, Sarah está namorando Ollie outra vez, mas como nada são flores nessa vida a garota está cheia de dúvidas e para piorar durante o verão ela terá de abrir mão de toda a diversão e começar a trabalhar em uma livraria se tornando muito próxima de Jackson, um garoto que tem tudo a ver com ela.

                           Primeira reclamação: Ali qual o motivo de se desenvolver um personagem com um dilema maravilhoso sobre homossexualidade e NÃO USAR NA SÉRIE? Falta de coragem? Só pode né? Não gostei, após ler o quinto livro pensei que ia ter um livro maravilhoso só para o Rich e a autora vai e retorna com a personagem mais chata da existência das personagens chatas: Sarah.

                           Não sou a maior fã dessa personagem, confesso que em alguns momentos ela me agrada, mas em outros eu só tenho vontade de entrar no livro para pegar o pescoço dela e apertar até ela morrer. Sarah é mimada, é cheia de dilemas que eu com a idade dela já tinha superado e nesse livro depois que você pensa que finalmente tudo está em seu lugar ela conhece um novo garoto que tem tudo a ver com ela e mais uma vez começa o #mimimi


                            Outra coisa que me incomodou bastante foi um comentário sobre estupro que a autora colocou no livro, achei desnecessário e muito sem noção. Acho que se ela tivesse feito o livro do Rich nada disso teria acontecido fica aí a dica Ali Cronin.

                              Gosto da cor da capa, aliás gosto das cores de todas as capas dessa série. A diagramação está contribuindo para uma boa leitura. Enfim, encerramos mais uma série não com tanto louvor, mas né? Nada é perfeito. 

    

| comente (:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D