Resenha: A fofa do terceiro andar (Cléo Busatto)

sexta-feira, 21 de agosto de 2015



A Fofa do Terceiro Andar
Cléo Busatto
R$ 21,90 até R$ 25,00
ISBN-13: 9788501104595
ISBN-10: 8501104590
Ano: 2015 / Páginas: 144
Idioma: português
Editora: Galera Record

A Fofa do Terceiro Andar - Primeiro juvenil da escritora Cleo Busatto, autora de mais de 20 livros, a maioria infantis. A fofa do terceiro andar é a história de Ana, uma menina acima do peso, mas cheia de opinião, que se muda para uma escola nova, começa a sofrer bullying dos colegas e acaba desenvolvendo uma depressão. Quando o ano recomeça, ela muda de turma e conhece um menino que não se importa com o peso dela e eles começam a namorar. A família dele é meio hippie e ele ensina a ela que, mesmo fora dos padrões ela é bonita.

Falar deste livro é tudo menos fácil. Apesar de ser um livrinho de menos de 150 páginas, ele é carregado de fortes emoções e sentimentos, muitas vezes não tão bons. Eu não sabia nada sobre o livro, nem li a sinopse, quis pela capa que eu achei fofa demais, perdoem o trocadilho rs. Mas enfim... achei que seria mais um romancezinho adolescente para passar o tempo. 

Quando a fofa chegou, comecei a ler imediatamente, porém a leitura começou a me deprimir e eu marejei os olhos em muitos momentos do livro. Ana é uma menina gordinha de 14 anos e que sofre muito bullying na escola e no prédio onde mora. Ela conta em forma de diário a violência - sim, bullying é uma forma de violência - que vive diariamente. Eu demorei mais do que eu previa e queria para ler este livro. Mas a verdade é que ele é bem triste durante boa parte do tempo. 

Depois que a Ana decide mudar, ela fica bem melhor, porém ainda tem uns pensamentos bem depressivos. Não sei se o livro é autobiográfico, shame on me, but não pesquisei, mas se não for, é completamente real e é de fácil identificação por muitas das adolescentes do nosso país e mundo. Ana é doce, inteligente e bem madura para sua idade. Ela sofre muito por não preencher os requisitos do padrão de beleza que a sociedade impõe, porém após conhecer um garoto muito especial, sua vida e seus hábitos mudam completamente.

Bom, recomendo muito a leitura para garotas dessa idade de 13 a 17 anos que passam por um drama parecido com o de Ana. É muito difícil passar o que ela passa e em vários momentos eu mesma - de 29 anos - me identifiquei. Ana conversa com o leitor e isso torna a leitura bem agradável e com um toque pessoal. O motivo de eu ter dado três estrelas, bom, eu não sei. Ainda estou processando o impacto que esta leitura teve na minha vida. Mas gostei muito do livro! 




| comente (:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D