Resenha: Redenção e Submissão (Nana Pauvolih) - Redenção Livro #02

segunda-feira, 21 de setembro de 2015



Título: Redenção e Submissão
Autor: Nana Pauvolih
Edição: 1
Editora: Rocco
ISBN: 9788568432242
Ano: 2015
Páginas: 440



Sinopse: e em Redenção de um cafajeste, estreia de Nana Pauvolih na Rocco pela coleção Violeta, do selo Fábrica231, o foco era a relação de Arthur e Maiana, agora, no segundo livro da trilogia, a autora volta a atenção para Matheus Sá de Mello, um dos melhores amigos de Arthur. Mais conhecido por Matt, ele concilia a aparência de bom moço e uma rotina normal com sessões de sexo recheadas de sadomasoquismo no Clube Catana. Numa dessas noitadas, ele conhece Sophia, bela morena que é uma típica dominatrix. Mas a atração sexual é apenas a ponta do iceberg que vai unir os dois. Em Redenção e submissão, Nana Pauvolih mostra, mais uma vez, por que se tornou um fenômeno da autopublicação no segmento erótico nacional, com uma trama recheada de sexo e romance.



                   Redenção e Submissão é o segundo volume da trilogia Redenção e o segundo volume publicado pela Fábrica 231 da autora Nana Pauvolih, que já tem outras publicações também pela Amazon.

                       Matheus é o típico bom garoto, alto, loiro e de olhos claros, ele parece um anjo. Porém esse anjo por debaixo da aparência esconde um desejo peculiar e um Dominante experiente. Há anos que Matt vai ao Clube Catana e é um dos Dom mais respeitados e habilidosos da cidade, mas ele tem um sonho: encontrar a submissa perfeita. O moço achou que havia encontrado isso em Maiana e quando a moça voltou para seu amigo Arthur, Matt não teve outra escolha a não ser continuar procurando. Sophia é uma mulher com um passado trágico que a moldou em alguém independente e forte. Ela é uma experiente Dominatrix, recém chegada de Portugal, a moça agora está atrás de diversão nas noites cariocas e é no Clube Catana que ela encontra um lindo anjinho de olhos azuis que ela considera submissos, um desejo incontrolável de tê-lo a atinge. Porém, o anjo nada mais é que Matt, um homem com habilidades que podem deixá-la a beira da loucura.

                     Sobre essa autora: SOU FÃ! Não tem como não ler um livro de Nana Pauvolih e não se apaixonar, todas as histórias dela são envolventes, recheadas por homens maravilhosos e pode escrever o que estou falando quando você lê uma história da Nana, você só para quando o livro termina. 

                       A narrativa de Redenção e Submissão é em primeira pessoa alternada ente Matheus e Sophia. Ambos são personagens interessantes e não pense que Sophia se entrega e vira uma total submissa nas mãos de Matt, muito pelo contrário a autora consegue um equilíbrio difícil de conseguir em um livro assim. Ambos os personagens cedem e não há um que domina o outro, eles se dominam e se completam. A metáfora levantada por Pauvolih nesse livro é importante e nos faz lembrar que em relacionamentos não é necessário que o homem tome conta da mulher, mas ambos são parceiros em uma jornada, tendo que ceder e se encaixar aos desejos do outro.

                        Matheus é um homem bem sucedido que levou anos para se aceitar como é. Ele tem seu lado bom moço, romântico e doce, mas também há um homem dentro dele que pede por dominação, um lado mais selvagem que pulsa e se mescla a imagem de bom filho, amigo e etc. que ele passa a sociedade.  Sophia é uma mulher que sofreu um trauma no começo da adolescência e isso a fez jurar que nunca iria amar, pois o amor só trouxe sofrimento a ela. Desde cedo ela precisa de controle na cama e fora dela, ela é uma mulher que aparentemente é dona de seu nariz, mas que no fundo tem muitas inseguranças e que foge de seus sentimentos e do que realmente é.

                         Essa narrativa tem sim muitas e muitas cenas mais quente e que são escritas com maestria e bom humor. Se você não gosta de cenas de sexo, amiga então esse livro provavelmente não vai ser para você, mas se você gosta: escute a tia Priscila, corra até a livraria mais próxima e compre Redenção e Submissão garanto que não irá se arrepender.

                          Essa capa é maravilhosa, gente olha esse modelo! Adorei a fonte do título também. Gosto da lombada dos livros da Fábrica 231 das séries eróticas, elas são roxas/rosa e são muito lindas. A diagramação está ok e sim eu li esse livro em um dia! 

| comente (:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D