Resenha: A Voz do Arqueiro (Mia Sheridan) - Signos do Amor - Livro #04

segunda-feira, 28 de setembro de 2015



Título: A Voz do Arqueiro
Autor: Mia Sheridan
Edição: 1
Editora: Arqueiro
ISBN: 9788580414448
Ano: 2015
Páginas: 336



Sinopse: Cada livro da coleção Signos do Amor é inspirado nas características de um signo do Zodíaco. Baseado na mitologia de Sagitário, A voz do arqueiro é uma história sobre o poder transformador do amor. Bree Prescott quer deixar para trás seu passado de sofrimentos e precisa de um lugar para recomeçar. Quando chega à pequena Pelion, no estado do Maine, ela se encanta pela cidade e decide ficar. Logo seu caminho se cruza com o de Archer Hale, um rapaz mudo, de olhos profundos e músculos bem definidos, que se esconde atrás de uma aparência selvagem e parece invisível para todos do lugar. Intrigada pelo jovem, Bree se empenha em romper seu mundo de silêncio para descobrir quem ele é e que mistérios  esconde. Alternando o ponto de vista dos dois personagens, Mia Sheridan fala de um amor que incendeia e transforma vidas. De um lado, a história de uma mulher presa à lembrança de uma noite terrível. Do outro, a trajetória de um homem que convive silenciosamente com uma ferida profunda.Archer pode ser a chave para a libertação de Bree e ela, a mulher que o ajudará a encontrar a própria voz. Juntos, os dois lutam para esquecer as marcas da violência e compreender muito mais do que as palavras poderiam expressar.




                  A Voz do Arqueiro é o quarto livro da série Signos do Amor escrita pela Mia Sheridan.Ultimamente a Editora Arqueiro não tem publicado as séries em ordem, foi assim no caso de O Príncipe dos Canalhas e está sendo assim com A Voz do Arqueiro que foi o primeiro volume lançado no Brasil. Não posso dizer que senti que faltou algo, muito pelo contrário, acho que não poderia ler um livro que me fizesse me apaixonar por essa série tão rápido como A Voz do Arqueiro.

                          Bree Prescott está fugindo de seu passado, algo trágico que a fez fugir de sua cidade natal para uma cidade pequena a beira de um lago. Nessa cidade Bree pretende recomeçar por um tempo antes de voltar para casa. Quando ela topa com Archer Hale um misterioso rapaz mudo que é ignorado por toda a cidade as coisas começam a mudar. Bree e Archer parecem criar um vínculo de amizade que cresce a cada dia. Archer é um homem solitário, doce, gentil e que tem um passado também trágico. Duas almas quebradas que parecem fazer bem uma a outra e um amor que nasce em meio as pedras.

                            A narrativa é em primeira pessoa e eu só posso dizer que fiquei tão apaixonada por esses personagens que foi uma das melhores narrativas em primeira pessoa que eu já li na minha vida. Archer é encantador e Bree é uma mulher forte e nada boba.

                            É impossível de dizer que esse foi o melhor livro que li no mês de setembro até o momento. Sem dúvida nenhuma me apaixonei por Bree e principalmente por Archer. Mia Sheridan tem uma escrita muito emocional e Archer é aquele tipo de personagem que você quer amar e colocar em um potinho para que ele não sofra mais.

                              As cenas protagonizadas pelo casal são recheadas de amor, amizade e muitas vezes de sensualidade. Bree ensina a Archer não só o amor entre homem e mulher, mas a confiar, a dividir sua vida com alguém e a se mostrar muito mais ao mundo. Durante anos ele foi privado de contato humano e por ser mudo, acabou sendo privado de muitas outras coisas. Sim, o livro tem cenas mais sensuais, mas que são tratadas de forma bastante bonita e só acontecem junto com o crescimento da relação dos dois.

                            Eu amei essa capa e a diagramação. Acho que a arqueiro raramente erra nesses dois quesitos, graças ao comprometimento que eles tem com seus leitores e a gente só agradece por isso. Enfim, já estou ansiosa para ler os outros volumes da série.
                                
                             SORTEIO


a Rafflecopter giveaway

| comente (:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D