Resenha: Magimakia: A Busca por Merlin (Rafael Lovato)

domingo, 8 de novembro de 2015



Título: Magimakia: A busca por Merlin
Autor: Rafael Lovato
Edição: 1
Editora: Chiado Editora
ISBN: 9789895140848
Ano: 2015
Páginas: 250



Sinopse: “A busca por Merlin” é o primeiro livro da série de fantasia juvenil “Magimakía”, palavra goblin que significa “A grande batalha dos magos e bruxas”. Nele, você acompanhará a jornada narrada por Oliver, garoto franzino de 15 anos que há pouco tempo atrás não sabia coisa alguma sobre magia, sofria bullying na escola e a menina pela qual era apaixonado, sequer sabia de sua existência. Porém, tudo muda quando um goblin nanico, acompanhado de seu troll de companhia com costas bombadas, sequestra Oliver. Sua única esperança de salvar o mundo e sua própria pele, além de poder voltar para casa, é descobrir o paradeiro do poderoso mago Merlin, desaparecido há mais de quinhentos anos!Oliver precisará de toda ajuda possível. Sua esperança são as bruxinhas Avery e Violet que, diferente dele, sabem muito bem o que fazem quando o assunto é caldeirão, poções e bruxaria.Teleporte-se a bordo desta fantástica aventura! Assim, você descobrirá o que de incrível e ao mesmo tempo trágico acontecerá ao jovem Oliver, e que afetará todos os magos e bruxas do universo!



                       Magimakia: A Busca por Merlin é o primeiro livro de uma série homônima, escrita pelo autor nacional Rafael Lovato e publicado pela Chiado Editora. Essa foi minha primeira experiência com o autor e achei que para o público alvo dele esse livro além de divertido é na medida certa.

                           Oliver é um garoto magrinho que sofre preconceito na escola por ser nerd e não saber se defender. Até que um dia ele é sequestrado por um goblin e fica sabendo de seu passado. Na verdade ele é o último descendente de Merlin e o único que pode salvar os Magos da escravidão, encontrando o mestre da magia, Com a ajuda de Ben e das bruxinhas Avery e Violet ele deverá passar por muitas provações para conseguir voltar para casa em segurança.

                                Primeiro eu tenho que contar para vocês sobre a narrativa desse livro que é super divertida, Rafael Lovato narra uma situação em que foi forçado a traduzir um livro de crônicas/contos de um goblin que apareceu certo dia em sua casa. E esse livro narra a história de Oliver, o livro é todo em terceira pessoa e essa narrativa se torna mais divertida a cada página.

                               Oliver é um personagem carismático e muito engraçado, você vai dar muitas risadas com ele e sua consciência "conversando". Outro personagem que causará muitas gargalhadas é o goblin que o sequestra que não aparece em tantas cenas assim, mas nas que aparece protagoniza várias cenas junto com Oliver.

                               O enredo tem desde demônios até anjos e todos eles estão ligados aos magos, goblins, etc. No caso aqui tanto anjos quanto demônios não são confiáveis então o bem e o mal que geralmente é protagonizado por essas figuras, nesse livro não existe. O que é um diferencial que eu gostei bastante, acho que é muito bom ensinar aos pequenos que o que nos torna bons ou ruins são nossas ações e não convenções e esses personagens representam isso, em minha opinião.

                                  Não vou mentir para vocês, o livro não é para a minha faixa etária, atualmente estou com 27 anos, mas fiquei com muita vontade e vou dá-lo para um dos meus primos, pois sei que eles aproveitarão a leitura de uma maneira muito melhor do que eu. É um livro muito divertido para quem é mais jovem, para adolescentes e talvez até pré-adolescentes se você os tem em casa recomendo e muito que deem o livro de Lovato a eles.

                                   Só não gostei da capa, achei muito escura e "pesada" para um livro de teor tão divertido. A diagramação está ótima, a letra não é muito pequena e as margens são assimétricas. Enfim, recomendo demais que leiam e espalhem esse livro por aí.

| comente (:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D