Resenha: Com Você (Laurelin Page) - Fixed - Livro #02

domingo, 3 de janeiro de 2016


Título: Com Você
Autor: Laurelin Page
Edição: 1
Editora: Rocco Fábrica231
ISBN: 9788568432112
Ano: 2015
Páginas: 400
Tradutor: Júlio de Andrade Filho



Sinopse: No segundo livro da trilogia Fixed, iniciada com Por você, Laurelin Paige mostra a evolução do explosivo relacionamento entre Alayna Whiters e o bilionário Hudson Pierce numa trama que envolve sexo, desejo e superações. Em Com você, a jovem Alayna precisa novamente lidar com suas obsessões. Afinal, ela não se acha capaz e nem merecedora de dividir o mesmo teto com alguém como Hudson Pierce – um homem bilionário e sedutor disposto a realizar todos os seus sonhos, inclusive sexuais – e vive atormentada por dúvidas, culpa e desconfianças. Mesmo ligados por uma conexão física vital, a relação dos dois é posta à prova quando segredos do passado vêm à tona. 



                      Com Você é o segundo volume da trilogia Fixed, escrito pela Laurelin Page e publicado no Brasil pela Fábrica 231, selo da Editora Rocco. Eu gostei bastante do primeiro livro e esse segundo volume não me decepcionou.

                        Alayna segue com Hudson e dessa vez a relação deles passa de fake  para algo real. Lutando ainda contra seus demônios e contra sua obsessão Layne tenta manter uma relação com Hudson, mas o passado ameaça bater em sua porta mais uma vez e agora ela terá de enfrentar não só ele, mas uma pessoa que ela não poderia desconfiar que tentará separar o casal.

                           Eu continuo gostando da narrativa de Layne, apesar de algumas vezes me irritar com ela nesse livro. Fica claro para o leitor, menos para ela o que está acontecendo e que alguma coisa está errada. Porém a autora consegue justificar cada um dos comportamentos de Alayna e algumas vezes você também entra na espiral obsessiva da personagem.

                          A relação de Layne com Hudson continua explosiva, eles continuam tendo cenas para lá de quentes e a relação física não segue a mesma velocidade da relação emocional, muito pelo contrário ao que parece a primeira é muito mais forte que a segunda.

                           Hudson é aquele tipo de personagem que é um grande mistério, ele também tem seus segredos e ao que parece eles ameaçam a relação dos dois e para distrair a namorada ele sempre utiliza a parte física que explode entre os dois. Apesar disso ele não parece ser tão controlador a primeira vista, mas não se engane ele dentre todos os personagens da trama é o mais controlador e isso é algo que atormenta Alayna. 

                           A autora optou mais uma vez por uma narrativa muito mais psicológica e vemos mais claramente como os comportamentos obsessivos de Alayna funcionam e como foi o seu passado e principalmente como o passado dela e de Hudson se complementam, ele é exatamente o tipo de homem que ela não deve se relacionar e isso ao que parece se encaixa muito bem.

                               Gente vocês conseguem ler esses livros com essas capas em público? Tenho extrema dificuldade, as pessoas ficam encarando como se você estivesse lendo a bíblia de satanás ou algo assim. Não dá vontade de dizer "Gente, é só sexo, parem!" É meio constrangedor. A diagramação é linda! Enfim, leiam essa trilogia, vale muito a pena.

| comente (:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D