Resenha: O Cisne e o Chacal (J.A. Redmerski) Na Companhia de Assassinos - Livro #03

segunda-feira, 23 de maio de 2016



Título: O Cisne e o Chacal
Autor: J.A. Redmerski
Edição: 1
Editora: Suma de Letras
ISBN: 9788556510044
Ano: 2016
Páginas: 248


Sinopse: "Fredrik Gustavsson nunca considerou a possibilidade de se apaixonar certamente nenhuma mulher entenderia seu estilo de vida sombrio e sangrento. Até que encontra Seraphina, uma mulher tão perversa e sedenta de sangue quanto ele. Eles passam dois anos juntos, em uma relação obscura e cheia de luxúria. Então Seraphina desaparece. Seis anos depois, Fredrik ainda tenta descobrir onde está a mulher que virou seu mundo de cabeça para baixo. Quando está próximo de descobrir seu paradeiro, ele conhece Cassia, a única pessoa capaz de lhe dar a informação que tanto deseja. Mas Cassia está ferida após escapar de um incêndio, e não se lembra de nada. Fredrik não tem escolha a não ser manter a mulher por perto, porém, depois de um ano convivendo com seu jeito delicado e piedoso, ele se descobre em uma batalha interna entre o que sente por Seraphina e o que sente por Cassia. Porque ele sabe que, para manter o amor de uma, a outra deve morrer."




            O Cisne e o Chacal é o terceiro livro da série Na Companhia de Assassinos escrito pela J.A. Redmerski e publicado no Brasil pela editora Suma de Letras. Essa série é diferente de tudo que você já leu dessa autora e sim eu adoro.

             Frederick procura pela ex-esposa há seis anos. Seraphina era a única mulher com quem ele podia ser ele mesmo, ela o entendia e juntos eles era perfeitos e sádicos. Há seis anos ela o traiu e sumiu. Agora Frederick a seguiu até Nova York onde aparentemente ela atacou uma mulher chamada Cássia, que perdeu a memória durante o incidente.  A única maneira de achar Seraphina é através de Cássia, que só recupera poucas lembranças vendo Frederick torturar pessoas. Segredos precisam ser revelados e tudo que um dia ele pensou que era verdade, pode não ter sido.

               A narrativa de O Cisne e o Chacal é alternada entre Frederick e Cássia, a cada capítulo ficamos sabendo um pouco mais desse quebra-cabeças e da história dos dois que pode ser muito mais complexa do que parece.

                 Nessa série você tem que ficar avisado que não existem mocinhos, todos são vilões. Assassinos, torturadores, etc. Nenhum deles é inocente, todos tiveram passados ruins, foram subjugados em algum momento, mas que deram de certa forma a volta por cima e tomaram controle de suas vidas.

                    Frederick é conhecido como o Chacal, ele é um torturador conhecido no meio dos assassinos. Ele é descontrolado e tem uma sede de sangue que chega a ser assustadora, Seraphina era a única que conseguia controlá-lo. Agora que ela não está mais a vista ele vive desesperado, rodeado pela escuridão. Apenas Cássia consegue trazer um pouco de luz a vida dele.

                            Cássia está acorrentada no porão de Frederick há mais ou menos um ano, ela é completamente apaixonada por ele. Desde o primeiro momento ela o ama e acha que ele ama a outra mulher e que ele fará de tudo para encontrar Seraphina. O destino dos três pode estar mais entrelaçado do que imaginamos.

                          Com a ajuda de Izabel, Frederick consegue mais sobre o passado de Cássia e finalmente descobre o que Seraphina tinha contra a moça e esse segredo é completamente surpreendente, é algo que realmente eu não esperava e foi o que me deixou mais satisfeita com o final do livro.

                              Essa capa é bonita, mas não entendi por que a editora retirou o braço ensanguentado que está na capa gringa. A diagramação está ok. Enfim, leiam essa série vale muito a pena. 

| comente (:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D