Resenha: A Caminho do Altar (Julia Quinn) - Os Bridgertons - Livro #08

segunda-feira, 24 de outubro de 2016



Título: A Caminho do Altar
Autor: Julia Quinn
Edição: 1
Editora: Arqueiro
ISBN: 9788580415735
Ano: 2016
Páginas: 320
Tradutor: Viviane Diniz



Sinopse: Ao contrário da maioria de seus amigos, Gregory Bridgerton sempre acreditou no amor. Não podia ser diferente: seus pais se adoravam e seus sete irmãos se casaram apaixonados. Por isso, o jovem tem certeza de que também encontrará a mulher que foi feita para ele e que a reconhecerá assim que a vir. E é exatamente isso que acontece. O problema é que Hermione Watson está encantada por outro homem e não lhe dá a menor atenção. Para sorte de Gregory, porém, Lucinda Abernathy considera o pretendente da melhor amiga um péssimo partido e se oferece para ajudar o romântico Bridgerton a conquistá-la.Mas tudo começa a mudar quando quem se apaixona por ele é Lucy, que já foi prometida pelo tio a um homem que mal conhece. Agora, será que Gregory perceberá a tempo que ela, com seu humor inteligente e seu sorriso luminoso, é a mulher ideal para ele?


Vocês sabem que eu sou apaixonada pela narrativa da Julia Quinn, por favor larguem as pedras. A Caminho do Altar é o último livro dos irmãos Bridgerton, o do tão aguardado irmão mais novo Gregory. A série é lançada pela editora Arqueiro e sim eu fiquei meio decepcionada com esse livro.

Gregory Bridgerton é o caçula da família, cresceu vendo seus irmãos se apaixonarem e casarem por amor e sua mãe suspirar de saudade do pai que ele não chegou a conhecer. Dessa forma Gregory aguarda uma paixão fulminante, para ele quando encontrar ele saberá quem é a mulher de sua vida. Foi assim quando ele encontrou Hermione Watson, uma beldade que é cortejada por muitos, mas que está perdidamente apaixonada por outro. O Bridgerton mais moço, então irá contar com a ajuda de Lady Lucinda Abernathy, a melhor amiga de Hermione que acha Gregory perfeito para a amiga. Essa aproximação entre Gregory e Lucy pode resultar em algo inesperado.

O que me incomodou profundamente nesse livro é o fato dele ser fora da proposta da série da família Bridgerton, todos os irmãos até aqui vivem amores que crescem, mas que não envolvem um amor anterior, ou seja nenhum deles realmente tinha se apaixonado antes e lutado por aquele amor. É a proposta da série, um amor. Gregory vem com a proposta na cabeça, mas acaba desagradando ao confundir o sentimento que viu a vida inteira em seus irmãos, ele parece tolo e apaixonado e extremamente mimado. Como falei: diferente de toda a família e não de um jeito bom.

Além do mais, se comparado as histórias de amor dos irmãos a de Gregory e Lucy parece deslocada, a maneira com que a autora fez com que eles se apaixonassem parece que ele simplesmente ficou com a segunda opção já que a primeira estava se casando com outro. 

A personalidade de Lucy também não agrada muito, ela é metódica, ela não acredita no amor e parece não ter o brio para enfrentar as dificuldades ao lado de Gregory. Ela é conformada e muito tola. 

Enfim, o livro todo se comparado aos outros está bem abaixo da expectativa que os livros da Julia Quinn criam em nós e sim eu crio expectativas, apesar de tudo.

Essa capa é linda e segue o estilo das outras. A diagramação está ótima e mantém o padrão das publicações arqueiro. Enfim, leiam e me contem o que acharam.

| comente (:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D