Resenha: Desejo Concedido (Megan Maxwell) - As Guerreiras - Livro #01

segunda-feira, 17 de outubro de 2016



Título: Desejo Concedido
Autor: Megan Maxwell
Edição:
Editora: Essência
ISBN: 9788542207934
Ano: 2016
Páginas: 464


Sinopse: Na Inglaterra do século XIV, após a morte dos pais, a jovem lady Megan Phillips, de vinte anos, segue uma vida tranquila, focada na educação e na criação de seus dois irmãos mais novos. Para fugir de um casamento arranjado por sua tia, Megan e a irmã, Shelma, vão para o castelo de Dunstaffnage, na Escócia, onde vive seu avô Angus de Atholl, do clã McDougall. Anos depois, durante o casamento de um de seus primos, Megan – uma mulher aguerrida, pronta a empunhar uma espada pra defender sua família e que não se dobra por nada e nem por ninguém –, conhece o temido guerreiro de olhos verdes Duncan McRae – um homem acostumado a liderar exércitos, mas que nunca esteve preparado para enfrentar o gênio forte de uma mulher. O destino trama contra (ou a favor de) Megan, que, contra a sua vontade, acaba se casando com Duncan. Conseguirão os dois se entender e seguir a vida como um casal feliz? Ou viverão às turras, como se estivessem num campo de batalha?




Desejo Concedido é o primeiro volume da série das Guerreiras, que intitula o nome do fandom da autora Megan Maxwell. Foi o primeiro livro de época que eu li dessa autora e adorei, acho que ela deveria escrever só livro de época. A publicação brasileira é do selo Essência da editora Planeta de Livros.

Megan e Shelma são duas irmãs meio inglesas e meio escocesas, elas saíram da Inglaterra com seu irmão ainda bebê fugindo de seus tios odiosos que queriam casá-las com inimigos de seu pai. Elas vão morar com o avô e são acolhidas no clã McDougall. Anos depois durante o casamento de Alana e Axel, o clã McDougall recebe os maiores guerreiros da Escócia para as celebrações. Duncan McRae imediatamente se encanta pela mulher de cabelos negros e gênio forte que o desafia desde o primeiro momento, apesar de ter jurado não amar nenhuma outra mulher depois de uma decepção amorosa. Quando por um infortúnio ele acaba jurando proteger e se casar com Megan eles terão de se ajustar um ao outro.

Eu já li outros livros da Megan e sem dúvida esse ficou em segundo lugar como meu preferido. Divertido, sensual e com personagens marcantes Megan consegue cativar e encantar com personagens femininos que não são damas e muito menos submissas a seus maridos.

Megan, além de levar o nome de sua criadora, é forte, decidida e desbocada, ela faz tudo que qualquer guerreiro pode fazer, luta de espada, sabe manejar o arco e flecha, cavalga como um homem e sabe responder a qualquer homem em qualquer lugar.

Duncan por sua vez, é o laird (líder) do clã, ele é conhecido como o Falcão e é um dos guerreiros mais bravos. Ele é acostumado a ser líder e ser obedecido por todos, mas Megan consegue tirar o guerreiros dos trilhos.

As cenas mais quentes que não poderiam faltar em livros de Magan Maxwell estão presentes, mas em menor número que em outros livros da autora, o que me deixou bem satisfeita, pois as cenas que existem são maravilhosas e suficientes.

A capa desse livro não me agrada em nada. A diagramação está ótima. Enfim já estou bem ansiosa para ler os próximos livros dessa série.

| comente (:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D