Resenha: Codinome Pandora ( T J Diniz) - Codinome Pandora -Livro #01

quarta-feira, 9 de novembro de 2016



Título: Codinome Pandora
Autor: T. J. Diniz
Edição: 1
Editora: Editora Pandorga
ISBN: 9788584421473
Ano: 2016
Páginas: 420



Sinopse: O mundo é feito de escolhas, algumas com mais consequências que outras. Alice Carter sempre entendeu isso. Entendia também que o mundo era um local perigoso para se viver.Uma jovem britânica de 18 anos que cresceu em um mundo problemático, assolada por um passado repleto de traumas. Sem o pai que a abandonou junto ao irmão e sem a mãe que faleceu enquanto ainda era uma criança, Alice encontrou na NSI (National Security Investigation), uma agência do governo britânico, uma forma de abandonar os fantasmas do passado. Usando o codinome Pandora e colocando a sua vida em risco, ela tentará dosar sua vida entre o mundo da espionagem e o mundo onde ela é apenas uma adolescente prestes a terminar o colegial.Vivendo uma vida dupla, ela terá que lidar com o seu gênio difícil para não afastar aqueles que ama; quando um garoto irresistível aparece, balançando seus sentimentos, Alice percebe que será mais difícil protegê-lo da sua vida conturbada com uma ameaça eminente vinda do passado, arriscando a vida de todos. Ela terá que decidir se deve fugir do passado ou enfrentá-lo de uma vez por todas, mesmo que isso custe os seus dois mundos.


Codinome Pandora é o primeiro volume de uma série da autora T. J. Diniz publicado pela editora Pandorga. Meu primeiro contato com essa autora e eu tenho muito mais reclamações que coisas boas para falar sobre essa trama.

Pandora, na verdade é Alice, uma jovem de 18 anos que é espiã nas horas vagas e que tenta levar uma vida comum. Em meio a missões de resgate, espionagem, roubo, etc. ela frequenta a escola, vive com o irmão e sai com sua melhor amiga Bea. A garota desde cedo sabe o que é o abandono e a morte e tenta proteger todos a seu redor, incluindo Robert um garoto que chegou em sua escola e ganhou seu coração.

Primeira coisa que eu tenho que ressaltar sobre esse livro é a questão da idade da autora, quando escreveu essa história tinha apenas 16 anos, então talvez o que tenha faltado é um pouco de maturidade e um direcionamento de alguém para a estrutura desastrosa que esse livro possui. 

A história e as atitudes de Alice não condizem com uma garota de 18 anos, durante pelo menos as primeiras 100 páginas nós não sabemos realmente sobre o que é aquele livro, temos uma garota que vai sendo chamada a todo momento por um cara que trabalha para uma agência do governo, que vai para a escola e só. Depois disso temos vários dramas que não se conectam uns com os outros, até que culminam em um mistério e um vilão que nós ao menos sabíamos que existia.

A estrutura narrativa do livro é algo que não existe, não temos algo como um começo, depois um desenvolvimento do drama principal e depois disso um final com gancho para os próximo volumes da série e talvez esse seja o principal problema, com algum direcionamento a autora poderia ter já dividido essa história em dois livros ou ter arrumado os acontecimentos de forma coerente para que conforme a trama fosse se desenvolvendo percebêssemos em Alice os traumas e a vida sofrida que teve durante a infância, ao contrário temos uma segunda história rolando e sendo empurrada na goela dos leitores com desculpas esfarrapadas.

Outra coisa que me incomoda é o tamanho do livro, por ser uma série que creio ser destinada ao público infanto-juvenil, um livro com mais de 400 páginas com letra pequena definitivamente não é o ideal, eu que não faço parte dessa faixa-etária muitas vezes cansei durante a leitura.

A diagramação deixa e muito a desejar, mas creio que essa falha tenha sido da editora que não percebeu que uma letra muito pequena atrapalha e muito a fluidez da leitura. Eu gosto dessa capa, mas mais uma vez não é uma garota de 18 anos. Enfim, espero que com o tempo a autora amadureça sua escrita e ache seu rumo.


| comente (:

Postar um comentário

Ficarei muito feliz se você me der a honra de ter o seu comentário aqui no meu blog. O blog sobrevive dos seus comentários, seja legal, comente nos blogs que visita! :D