Resenha | Mais lindo que a lua (Julia Quinn) Irmãs Lyndon #1

Mais Lindo Que a Lua
Irmãs Lyndon # 1
Julia Quinn
 R$ 22,90 até R$ 29,90
ISBN-13: 9788580417975
ISBN-10: 858041797X
Ano: 2018 / Páginas: 272
Idioma: português 
Editora: Arqueiro

Mais Lindo Que a Lua, primeiro livro primeiro livro da série Irmãs Lyndon, é uma história irresistível sobre sobre reencontro e desafios, romantismo e perseverança.
Foi amor à primeira vista. Mas Victoria Lyndon era a filha do vigário, e Robert Kemble, o elegante conde de Macclesfield. Foi o que bastou para os pais dos dois serem contra a união. Assim, quando o plano de fuga dos jovens deu errado, todos acreditaram que foi melhor assim.
Sete anos depois, quando Robert encontra Victoria por acaso, não consegue acreditar no que acontece: a garota que um dia destruiu seus sonhos ainda o deixa sem fôlego. E Victoria também logo vê que continua impossível resistir aos encantos dele. Mas como ela poderia dar uma segunda chance ao homem que lhe prometeu casamento e depois despedaçou suas esperanças?
Então, quando Robert lhe oferece um emprego um tanto incomum – ser sua amante –, Victoria não aceita, incapaz de sacrificar a dignidade, mesmo por ele. Mas Robert promete que Victoria será dele, não importa o que tenha que fazer. Depois de tantas mágoas, será que esses dois corações maltratados algum dia serão capazes de perdoar e permitir que o amor cure suas feridas?


Victoria Lyndon nunca pensou que conheceria o amor verdadeiro tão cedo, e também nunca esperou que fosse ser logo uma pessoa da nobreza, pois seu pai é o novo vigário da cidade e ela sabe que um casamento com alguém que tenha um título importante é difícil de acontecer, porém Robert Kemble não acha que isso tem importância.

"Não sabia identificar muito bem o que era. Só sabia que ela era perfeita."

Robert é o conde de Macclesfield e era um libertino até encontrar um bela dama de cabelos negros. Para ele foi amor à primeira vista, e logo ele estava prometendo tudo a ela, porém os pais dos dois não aceitam esse casamento já que ela não tem título, e segundo o pai de Victoria provavelmente Robert só quer tirar proveito dela.

"Ele lhe dera seu coração, sua alma. E não fora suficiente." 

Para conseguirem viver esse amor eles decidem fugir, pois eles não irão abrir mão da felicidade, porém um grande mal entendido acontece e todo o amor que eles acreditavam já não existe. Robert agora tem certeza que que ela só queria seu dinheiro, e com a possibilidade dele perder sua herança, acabou desistindo da fuga. Victoria acredita que ele só queria arruinar sua reputação, e por não conseguir tirar proveito dela acabou indo embora sozinho.

"No fundo de seu coração, Victoria sabia que Robert tinha o poder de fazê-la feliz além de seus maiores sonhos. Mas também tinha o poder de destruir seu coração." 

Sete anos depois, Victoria é uma preceptora e apesar de odiar o emprego, precisa dele pois é sua única forma de renda, e quando sua empregadora convida alguns nobres para casa, a última coisa que ela esperava era encontrar aquele que destruiu seu coração. Victoria não consegue acreditar que depois de anos Robert voltou para atormentar sua vida, e ele só quer vingança já que ela ainda possui seu coração.

"Então se aninhou nos braços dele, fechou os olhos e mergulhou em um sono tranquilo."

Entre muitos desentendimentos, brigas e confusões eles irão precisar conviver alguns dias, pois Victoria não pode perder o emprego, e qualquer coisa que ela faça pode acabar levando a uma demissão. Robert só quer aquilo que não conseguiu quando era jovem e talvez também queria provar que ela ainda tem fortes sentimentos por ele, principalmente porque Robert nunca deixou de amá-la. 

Mais Lindo Que a Lua é um dos primeiros romances da autora e posso dizer que adorei cada segundo da leitura, confesso que Robert não é lá um personagem fácil de suportar, porém discordo que ele seja um cara altamente machista. Ele quer o melhor para Victoria e pelo temperamento difícil dela acaba fazendo algumas escolhas não muito corretas, porém compreensíveis.

O livro vem com um enredo muito bom e que te prende do início ao fim, a história é contada para que possamos ver que existe amor a primeira vista, e que ele também não é tão fácil, onde precisamos aprender muito e principalmente amadurecer. Julia Quinn conseguiu me cativar a cada página e com sua escrita fluida não tive outra opção a não ser ficar apaixonada por essa história. Recomendo!


0 comentários via Blogger
comentários via Facebook