Resenha | A luz que perdemos (Jill Santopolo)

A Luz Que Perdemos
Duas vidas. Dois amores. Uma escolha.
Jill Santopolo
 R$ 22,41 até R$ 39,90
ISBN-13: 9788580418408
ISBN-10: 8580418402
Ano: 2018 / Páginas: 272
Idioma: português
Editora: Arqueiro
Da lista de mais vendidos do The New York Times, USA Today e Publishers Weekly.
Lucy e Gabe se conhecem na faculdade na manhã de 11 de setembro de 2001. No mesmo instante, dois aviões colidem com as Torres Gêmeas. Ao ver as chamas arderem em Nova York, eles decidem que querem fazer algo importante com suas vidas, algo que promova uma diferença no mundo. Quando se veem de novo, um ano depois, parece um encontro predestinado. Só que Gabe é enviado ao Oriente Médio como fotojornalista e Lucy decide investir em sua carreira em Nova York. Nos treze anos que se seguem, o caminho dos dois se cruza e se afasta muitas vezes, numa odisseia de sonhos, desejo, ciúme, traição e, acima de tudo, amor. Lucy começa um relacionamento com o lindo e confiável Darren, enquanto Gabe viaja o mundo. Mesmo separados pela distância, eles jamais deixam o coração um do outro. Ao longo dessa jornada emocional, Lucy começa a se fazer perguntas fundamentais sobre destino e livre-arbítrio: será que foi o destino que os uniu? E, agora, é por escolha própria que eles estão separados?
A Luz Que Perdemos é um romance impactante sobre o poder do primeiro amor. Uma ode comovente aos sacrifícios que fazemos em nome dos ­nossos sonhos e uma reflexão sobre os extremos que perseguimos em nome do amor.

Nesse livro conhecemos a Lucy, protagonista do livro, ela narra em primeira pessoa sua história com Gabe. Eles se conheceram durante o atentado de 11 de setembro nos EUA, e por terem passado por esta situação, eles acabam no primeiro momento se envolvendo. Durante o livro, vemos o crescimento de Lucy, se desenrolar com o Gabe (AMO!), e principalmente, se os dois vão ficar juntos ou não.

Quem me conhece sabe que romance não é meu gênero literário favorito, mas essa história me surpreendeu, lia sempre que podia (quem trabalha e faz faculdade entende), e Gabe é aquele personagem que vai te surpreender a cada capítulo, já Lucy nem tanto, ela para mim é o padrão de mocinha de história de romance, que teve seu primeiro amor.

É clichê? É sim! Mas gostei, o desenvolvimento foi amplamente verdadeiro e com sentido, porque você via como ia se desenrolar. Para mim já era o esperado, mas foi uma leitura fluída e leve.
Por ser narrada pela Lucy, alguns pontos me chateavam, nela como protagonista... Até os personagens secundários, para mim, eram mais interessantes do que a própria, como os conselhos do irmão dela, o relacionamento com os amigos, entre outros. Além das situações que Gabe passava, dava aquele ar de curiosidade do que poderia estar acontecendo com ele, o que era algo que me dava vontade de procurar saber, mas dificilmente tínhamos estas respostas.

Após Gabe decidir seguir a carreira e deixar Lucy, (me senti relendo um pouco de Crepúsculo, sabe aquele momento em que o Edward deixa a Bella no segundo livro? foi a mesma deprê), ela acaba passando por diversas situações, e conhecendo o Darren ( 2° MELHOR PESSOA DESSE LIVRO, DEPOIS DO GABE), gente!!! Gente!! Sério, o Darren é o boy perfeito, quer casar, ter filhos, e é completamente apaixonado pela Lucy, mas de novo me senti idiota shippando, já que ela ama o Gabe.

A capa é linda, dá vontade de ler só pela capa!!! A leitura é rápida, tem menos de 300 páginas, a diagramação está muito boa. Eu recomendo essa leitura para aquelas que gostam de um romance mais clichê, sei que compararam um pouco com “Como Eu Era Antes de Você”, mas discordo, não tem muito a ver.

1 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Um comentário

  1. Ter o livro narrado em primeira pessoa precisa que o protagonista seja alguém carismático o suficiente para encantar o leitor. Quando é aquele personagem chatinho, a leitura realmente não flui muito bem ou ficamos com uma impressão de que poderia ser melhor.
    Ao ler sua resenha, vi que gostou bastante do livro, mesmo com a narrativa em primeira pessoa.
    Bjkas

    http://www.acordeicomvontadedeler.com/

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário, ele é muito importante para mim!