Resenha | Um estranho irresistível (Lisa Kleypas) Os Ravenels #4

Um Estranho Irresistível
Os Ravenels # 4
Lisa Kleypas
R$ 21,90 até R$ 34,99
ISBN-13: 9788580419283
ISBN-10: 858041928X
Ano: 2019 / Páginas: 304
Idioma: português 
Editora: Arqueiro

Dr. Garret Gibson, a única médica mulher na Inglaterra, é tão ousada e independente quanto qualquer homem – por que não lidar com os próprios desejos como se fosse um? No entanto, ela nunca ficou tentada a se envolver com alguém, até agora. Ethan Ransom, um ex-detetive da Scotland Yard, é tão galante quanto secreto, e sua lealdade é um verdadeiro mistério. Em uma noite emocionante, eles cedem a uma poderosa atração mútua antes de se tornarem estranhos novamente.
Um homem que quebra todas as regras.
Ethan tem pouco interesse pela alta sociedade, mas é cativado pela preciosa e bela Garrett. Apesar da promessa de resistir um ao outro depois daquela noite sublime, ela logo será atraída para sua tarefa mais perigosa. Quando a missão dá errado, Garret usa toda a sua habilidade e coragem para se salvar. À medida que enfrentam a ameaça de uma traição do governo, Ethan fica disposto a assumir qualquer risco pelo amor da mulher mais extraordinária que já conheceu.


Após ler Um acordo pecaminoso, terceiro livro da série, e ver em ação a Dra Garret Gibson e o ex-detetive da Scotland Yard, Ethan Ransom, eu fiquei bem animada para essa leitura já que o que acontece no livro anterior tem ligação direta com os acontecimentos de Um estranho irresistível. Essa história e esse casal fogem totalmente do padrão que estamos acostumados a ver em livros desse estilo.

A Dra Garret é a única médica mulher na Inglaterra e só por sua profissão dá pra perceber como ela é uma mulher à frente do seu tempo. Lógico que ela sofre preconceito, mas também é admirada por muitas pessoas. Tem sua própria clínica e atende os mais necessitados sem cobrar. Não tem medo de andar pela rua sozinha a noite, sabe se defender e tem dificuldade de aceitar qualquer tipo de ajuda. É uma mulher independente que não se preocupa com as regras da sociedade, e sabe impor respeito e fazer valer a igualdade.

Desde da primeira vez que a viu, Ethan ficou encantado e a cada encontro o respeito e a admiração por ela cresciam. Ele sabia que não era seguro para Garret que os dois se envolvessem, mas por mais que tentasse não conseguia ficar afastado dela e ela também começou a deixar sua barreira de proteção ceder, se rendendo a todos os encantos de Ethan.

Gostei que esse lance de "não podemos ficar juntos" tem um motivo real. Realmente a relação dos dois era perigosa por causa do trabalho do Ethan. Jogo político, ameaças, intrigas, segredos... tudo isso deixou a história mais emocionante. 

Os personagens são bem construídos e gostei muito de como se portavam individualmente, seguindo suas crenças e ideais, com certo equilíbrio nas suas ações e a maneira que se portavam como casal. Toda a relação foi bem desenhada, as etapas de confiança, o desejo, a amizade, o amor. Os diálogos são ótimos.

Outro ponto positivo do livro são os procedimentos médicos relatados, coisas que eu não havia parado para pensar antes, do tipo como eram feitas cirurgias, transfusão de sangue, quem foi a primeira mulher a se formar em medicina, em que ano isso aconteceu, etc...foram coisas que pesquisei e é sempre bom quando um livro nos estimula a aprender mais. No final do livro tem uma nota da autora falando um pouco sobre essa parte histórica.

"As pessoas sempre dirão que nossos sonhos são impossíveis. Mas isso não pode nos impedir, certo? A menos que concordemos com elas."

Ah, como não poderiam ficar de fora, personagens dos livros anteriores aparecem ou são mencionados aqui. O destaque maior é para West Ravenel, um personagem que me conquistou fácil por causa do seu jeito brincalhão e relaxado de levar a vida, mas que mostrou nesse livro que também é uma pessoa leal e com quem se pode contar. Eu amei suas atitudes. Estou doida para ter mais dele no próximo livro, torcendo para que a arqueiro lance logo.

O final desse livro é uma fofura e eu sou só elogios. Muitos me falaram como os livros da Lisa Kleypas eram bons, e com essa história e esses personagens posso dizer que ela me conquistou. Recomendo!

1 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Um comentário

  1. Oi Dana, tudo bem?
    Eu amo os livros da autora e esse série em particular, na minha opinião, esse foi o melhor até agora.
    Beijos

    http://www.acordeicomvontadedeler.com/

    ResponderExcluir

Obrigada pelo seu comentário, ele é muito importante para mim!