Resenha | A carta secreta (Lucinda Riley)


A Carta Secreta
Lucinda Riley
R$ 36,60 até R$ 54,99
ISBN-13: 9788580419405
ISBN-10: 8580419409
Ano: 2019 / Páginas: 480
Idioma: português 
Editora: Arqueiro
Quando sir James Harrison, um dos maiores atores de sua geração, morre aos 95 anos, deixa para trás não apenas uma família arrasada, mas também um segredo que seria capaz de abalar o governo britânico.
Joanna Haslam, uma jovem e ambiciosa jornalista, é designada para cobrir o funeral, no qual estão presentes algumas das maiores celebridades do mundo. Mas ela se depara com algo sombrio além de todo aquele glamour: a menção a uma carta que James Harrison deixou, cujo conteúdo algumas pessoas escondem há setenta anos a qualquer custo.
Enquanto procura retirar o véu de mentiras que encobre o segredo e dar o furo jornalístico do século, Joanna percebe que forças poderosas tentam impedi-la de descobrir a verdade. E elas não vão se deixar deter por nada para chegar à carta antes dela.
Neste livro, Lucinda Riley apresenta um suspense surpreendente, sem deixar de lado o romance e a minuciosa reconstituição histórica que sempre encantam seus leitores.
Com mais de 15 milhões de livros vendidos em todo o mundo, Lucinda Riley está na lista de autores mais vendidos da Inglaterra, Estados Unidos, Itália, Noruega, Alemanha e Brasil.
“A carta secreta é um livro multifacetado, escrito com o primor e a poderosa imaginação que já são marcas registradas de Lucinda Riley. Um jogo de gato e rato no qual se cruzam mentiras e histórias de amor, segredos e subterfúgios, dissimulação e perigo.” – Lancashire Evening Post


Eu simplesmente adoro livros com cartas e gostei dos livros que li da Lucinda Riley, então quando vi essas duas coisas na capa A carta secreta entrou para minha lista de leitura. Logo no início tem uma nota da autora, contando sobre a criação desse livro e os motivos dele não ter sido lançado antes e pelo que ela fala já dá pra perceber que vai ser uma história diferente do que ela costuma escrever.

Como o título deixa bem claro, a história principal é movida por essa carta secreta, mas o que de tão importante está escrito nela que pessoas querem tê-la em mãos a todo custo? Ponto para Lucinda que soube manter o mistério durante todo o livro, prendeu minha atenção com uma escrita fluída e uma história movimentada. Não fui boa o suficiente para desvendar o grande segredo antes de todas as peças serem apresentadas.

E quem melhor para ter conhecimento de uma carta secreta do que uma jornalista, não é mesmo? Joanna foi enviada para cobrir o funeral de um famoso ator, James Harrison, mas acaba saindo antes ao se dispor a ajudar uma senhora que não estava passando bem na igreja, e é a partir desse encontro que uma história que pode abalar a monarquia faz com que todos os envolvidos e sabem desse segredo comecem a se movimentar. Quando percebe que há pessoas querendo desesperadamente encontrar essa carta, mais ela se vê envolvida em descobrir qual a ligação de James Harrison com tudo isso, afinal foi no velório dele que ela conheceu a senhora.

A oportunidade para investigar mais sobre ele e ter acesso ao seu passado aparece quando é designada para escrever uma matéria de um projeto que o neto de James, Marcus, está comandando. Marcus é conhecido como um cara irresponsável, ele é um cineasta, mas age mais com o coração do que com a razão, e acumula inúmeros fracassos, tanto na vida pessoal como na profissional, e nesse último caso contava com o apoio financeiro do pai, só que até mesmo o pai estava cansado de ajudar o filho. E essa entrevista acaba mudando o rumo da vida de ambos, eu gostei muito da interação dos dois, os diálogos deles na maioria das vezes eram divertidos.

A irmã de Marcus, Zoe, assim como o avô é atriz e ele sempre a apoiou, principalmente quando ela mais precisou de sua ajuda e compreensão ao engravidar jovem e não revelar quem é o pai do seu filho. Esse é outro segredo que está presente na história, mas que não demora muito a ser revelado e todo o desdobramento envolvido a história desse casal me deixou com raiva.

O livro tem o ponto de vista desses 3 personagens, Joanna, Marcus e Zoe. Os romances eu achei que aconteceram rápido demais, poderiam ter sido melhores desenvolvidos para que eu conseguisse acreditar nesse amor todo, mas tirando isso tiveram bons momentos.
Tiveram momentos de choque também, alguns que eu ficava "É sério isso? Ela disse isso mesmo? Fácil assim?" e outro que eu torci para autora estar me enganando e aquilo que ela escreveu não fosse verdade. Sabe quando você vai lendo e torcendo para que no fim a autora esclareça as coisas mostrando que não foi bem assim? Algumas coisas no final eu não gostei, mas nada que tirasse o brilho dessa leitura que foi muito boa! Já quero mais livros nesse estilo escrito pela Lucinda. Recomendo muito!

Por Renata Kerolin
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário

Obrigada pelo seu comentário, ele é muito importante para mim!