Resenha | Amigos Para a Vida (Andrew Norris)

Amigos Para a Vida
Andrew Norriss
R$ 31,40 até R$ 35,99
ISBN-13: 9788558890809
ISBN-10: 8558890803
Ano: 2018 / Páginas: 208
Idioma: português 
Editora: Valentina

Francis não tem amigos. Ele sofre bullying porque é diferente. Em casa, vive trancado no sótão, onde tem uma fabulosa coleção de bonecas vestidas com roupas que ele mesmo cria. Adora moda e pediu de aniversário uma máquina de costura.
Um certo dia na escola, na hora do intervalo, Francis vai se sentar num banco, no lado mais afastado do pátio, porque prefere a solidão a ser zoado.
Mas nesse dia, sentindo-se triste, ele vê alguém atravessar o gramado na sua direção. É uma menina de mais ou menos a sua idade, embora não a reconheça como aluna da escola. Ela se senta na outra ponta do banco, em silêncio.Francis fica curioso. E então lhe estende a sua caneca de chá. A menina olha para ele, surpresa e chocada. Afinal, ela é um fantasma, chama-se Jessica, e Francis é a primeira pessoa que consegue vê-la desde que ela morreu.Entre os dois surgirá uma amizade extraordinária e transformadora.
Amigos Para a Vida é uma delicada história de amizade – e seu poder transformador – entre quatro adolescentes fora dos padrões dominantes, celebra o direito de ser diferente e é leitura obrigatória para todos que combatem o bullying. Um livro divertido, corajoso e genuinamente emocionante.


Amigos para vida me ganhou com essa capa fofa. O título está em alto relevo e a edição tá lindinha.
Francis não tem amigos. Mora com a mãe e ama costurar, esse é um dos motivos por ele sofrer bullying na escola. Um certo dia na hora do intervalo ele se senta em um banco mais afastado do pátio e sua vida ganha um novo rumo quando ele vê o fantasma de Jessica.

Quando eu li na sinopse que um fantasma iria aparecer achei bem interessante e fiquei curiosa, o título original é Jessica’s Ghost.

Jessica morreu há um ano, mas não se lembra a causa da morte, todas as noites ela retorna ao hospital porque sente alguma coisa a puxando pra lá. Fica surpresa quando Francis consegue vê-la, porque até então ela tinha vagado durante um ano e ninguém havia percebido a sua presença. E assim percebe como estava se sentindo tão sozinha durante esse tempo. Logo Francis e Jessica tornam-se amigos inseparáveis.

A mãe do Francis, preocupada com o filho que passa muito tempo sozinho, vê uma oportunidade dele fazer amizade com a nova vizinha. Francis está relutante em receber essa pessoa, porque agora ele tem a Jessica, e acredita que mais ninguém vai aceita-lo do jeito que é, mas ele não poderiam estar mais enganado, porque Francis é um garoto especial e junto com a Jéssica vai perceber como é bom se abrir e ter amigos.

Quando peguei esse livro pra ler, esperava uma leitura leve, mas acabou sendo bem profunda. A história e os personagens são apresentados de uma forma simples, a escrita é fluida e particularmente eu não vi a grande revelação chegando, porque como eu disse antes esperava algo leve, mas foi algo bem tocante. 

A medida que a história vai se desenvolvendo novos personagens vão surgindo e todos tem em comum a diferença e sofrem com a discriminação.

“(...) Por que eu não posso ser uma pessoa comum? Por que eu tenho que ser diferente de todo mundo?
E é isso que pega você no final, não é mesmo? (...) O fato de ser diferente. Você deseja, de todas as formas, ser como todos os outros, mas...(...) sabe que isso nunca vai acontecer.”

Amigos para sempre nos mostra o poder e a importância da amizade. Em suas diferenças eles encontram algo em comum e junto com o fantasma da Jessica tornam-se um grupo bem unido, que apoiam e incentivam os amigos.

“Por que, pensou Francis, "ser diferente" tinha que ser tão doloroso? Por que era assim tão importante, quando, se refletíssemos bem, todo mundo era diferente de uma maneira ou de outra?”

Uma das questões que rondam o livro é como a Jéssica morreu e porque ela ainda está na Terra. Estava curiosa pra saber  e o autor conseguiu desenvolver isso bem. 

O livro pode até ter poucas páginas, mas tem uma grande história. Superar, se aceitar, defender as pessoas e o que acredita, valorizar o que cada um tem de melhor, não julgar, apoiar...são tantas coisas. Uma mensagem linda, um livro recomendado para todos. Li esse livro em apenas um dia e foi uma grata surpresa, porque já estava esperando uma boa leitura mas não esperava essa mensagem tão importante vinda de maneiras diversas dos personagens. Foi lindo ver a amizade deles crescendo e eles se sentindo livres pra serem quem realmente são, tirando um peso das costas e encontrando o seu lugar no mundo. Sobre a Jessica, a explicação dada fez todo o sentido. Gostei muito desse livro, superou minha expectativa. Recomendo!

Por Renata Kerolin
0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário

Obrigada pelo seu comentário, ele é muito importante para mim!